Evitar gestação na adolescência é dever de pai e filho

Evolução da faixa etária deve ser monitorada pelos pais

A falta de orientação sexual e de diálogo com os pais são as principais causas da vulnerabilidade dos adolescentes à gravidez
A falta de orientação sexual e de diálogo com os pais são as principais causas da vulnerabilidade dos adolescentes à gravidez Foto: Divulgação

Os pais já sabem que, na adolescência, a ebulição dos hormônios muda muito a vida dos filhos. O corpo se transforma junto com o humor e o comportamento. Em paralelo, o excesso de informações, as novas tecnologias e a comunicação por redes sociais facilitam o relacionamento dos adolescentes.

Todas essas mudanças fazem parte da revolução da faixa etária que, se não bem monitorada pelos pais, pode se deparar com surpresas, como a gestação indesejada.

A falta de orientação sexual e de diálogo com os pais são as principais causas da vulnerabilidade dos adolescentes à gravidez. De acordo com estudos, os filhos geralmente têm vergonha de abordar o assunto, e as meninas que engravidam mais são justamente aquelas que não têm uma boa relação de diálogo com pai e mãe. Muitas delas, por exemplo, desejam ir ao ginecologista, mas têm medo de pedir aos pais para fazer a consulta. Assim, resolvem a vontade sem conversar com familiares ou consultar um médico.

Para mudar a abordagem dos adultos com os filhos, a sexóloga Maria Helena Vilela, diretora do Instituto Kaplan dá algumas dicas:

– Comente ou leia uma reportagem sobre gravidez na adolescência com seu filho ou sua filha. O assunto pode ser uma introdução para iniciar uma boa conversa.

– Ouça a opinião dos filhos.

– Conte para eles o que significava, na sua época de adolescente, uma garota ficar grávida. Fale sobre os desafios e as mudanças que ocorrem na vida.

– Deixe clara sua opinião, justificando o seu ponto de vista e, ao mesmo tempo, preenchendo lacunas do pensamento deles.

– Converse com sua filha sobre a primeira visita ao ginecologista.

– Estimule seu filho a usar a camisinha, pois, esta é a melhor forma de prevenir a paternidade.

– Peça para eles falarem sobre os sonhos deles e ajude-os a enxergar as vantagens e desvantagens que ainda não conseguem ver.

– Conheça os amigos, ficantes e namorados dos seus filhos.

Leia mais
Comente

Hot no Donna