Ficar exposto a muita luz durante a noite aumenta chances de engordar

Fato ocorre mesmo que a pessoa não coma maiores quantidades, diz estudo

Luminosidade em excesso à noite faz a pessoa engordar, conclui pesquisa
Luminosidade em excesso à noite faz a pessoa engordar, conclui pesquisa Foto: Stock Photos, Divulgação

Ficar exposto durante a noite a uma luminosidade persistente leva a um aumento do peso, inclusive sem comer mais ou fazer mais atividade física, revela um estudo realizado com camundongos nos Estados Unidos.

? Apesar de não haver nenhuma diferença no grau de atividade física ou na quantidade de comida consumida cotidianamente, os ratos que viveram com luz durante o ciclo noturno engordaram mais que os outros ? observou Laura Fonken, pesquisadora de neurologia da Universidade de Ohio (norte), principal autora do estudo publicado na edição on-line dos Anais da Academia Nacional Americana de Ciências (PNAS).

Os pesquisadores constataram que os ratos submetidos a uma luz fraca durante a noite por oito semanas tinha, ao final desse período, um índice de massa corporal cerca de 50% superior que ao daqueles que viveram um ciclo noturno normal.

Dos ratos submetidos a uma luminosidade constante durante a noite, mas com acesso à comida somente durante as horas normais do dia, nenhum ganhou peso.

Os roedores que puderam comer no momento em queriam durante o ciclo de 24 horas de luz contínua ganharam muito mais peso, apesar de, no total, não terem ingerido mais comida que os animais de grupo de observação.

? Há algo na noite que, com a luz, faz com que os ratos comam em horas inadequadas, o que faz com que não metabolizem direito sua comida ? explicou Randy Nelson, professor de neurologia e psicologia da Universidade de Ohio e co-autor do estudo.

? Se estas observações se confirmarem nos humanos, leva a pensar que comer tarde da noite pode representar um risco particular de obesidade ? acrescentou o professor.

Leia mais
Comente

Hot no Donna