Flacidez, manchas, pelos indesejados… Saiba como cuidar das pernas

Especialista dá dicas especiais sobre depilação e orientações sobre depilação

Pernas lisinhas são combinação de tratamentos estéticos com depilação em dia
Pernas lisinhas são combinação de tratamentos estéticos com depilação em dia Foto: Stock Photos

Parece que a lista de obstáculos até as sonhadas pernas lisinhas não têm mais fim? Calma, muitos problemas estéticos têm solução!

Segundo a cirurgiã vascular Priscila Nahas, diretora da Sociedade Brasileira de Flebologia e Linfologia, o principal causador de problemas como as varizes é a genética, mas fatores como obesidade, sedentarismo, passar muito tempo em pé ou sentada e gestações múltiplas podem piorar o problema. E, nesse caso, esqueça os cremes que prometem reduzir o problema.

? É balela. Se existisse creme bom para isso, os médicos receitariam ? adverte Priscila.

O tratamento mais eficiente, segundo a especialista, ainda é a escleroterapia, mais conhecida como as dolorosas “aplicações”. Ela pode ser feita com líquido ou microespuma de glicose, glicerina crômica ou polidocanol diretamente nos vasinhos aparentes. O laser e a termocoagulação, feita com um microbisturi elétrico, também são alternativas.

Se a opção for pelo laser, é preciso ficar de olho nas recomendações de evitar o sol durante o tratamento.

? Além de mais caro, o risco de manchas é maior ? avisa a cirurgiã vascular.

Para conseguir um resultado legal a curto prazo, mergulhe num intensivão. No caso da escleroterapia, a alternativa mais comum, são necessárias, no mínimo, três sessões com intervalos de pelo menos 10 dias entre cada uma delas.

No aconchego do lar
Um pouquinho de esforço pode fazer muita diferença. Cuidados que você pode ter em casa para manter a beleza das pernas.

Para chegar à praia já com as pernas bronzeadas, uma boa é apelar ao autobronzeador, encontrado em supermercados e lojas de cosmético. Para evitar manchas, o ideal é fazer uma esfoliação prévia e só depois aplicar o produto. Como os joelhos são mais ressecados, absorvem mais produto, por isso o ideal é aplicar uma quantidade menor e caprichar na hora de espalhar. Esse tipo de produto tem um pigmento chamado dihidroxiacetona, que reage com as proteínas da pele e cria o efeito de bronze.

Para manter a cor, faça a manutenção uma vez por semana.
Esfoliar e hidratar são importantes para manter a pele da perna brilhante e uniforme. Esfolie pelo menos duas vezes na semana durante o banho com um produto próprio ou com bucha vegetal. Depois, use um hidratante específico para o seu tipo de pele. Joelhos e calcanhares podem precisar de hidratação extra. Uma boa opção são as manteigas hidratantes, mais concentradas, e as loções à base de ureia.
Na hora de escolher o hidratante, procure os que contenham vitamina C, E, colágeno, elastina, óleo de semente de uva e de macadâmia, que hidratam e ajudam a firmar a pele. Repita o ritual pelo menos duas vezes por dia, de manhã e à noite.

Se passar um dia inteiro batendo perna em cima de um salto alto ou dançar a noite inteira em uma festa, coloque as pernas para cima ao chegar em casa. o hábito melhora a circulação e evita o aparecimento de varizes.

Se o verão chegou e a sua perna ainda está longe do ideal, há como se valer de alguns truques emergenciais. Um deles é a chamada meia em spray, uma espécie de maquiagem em aerosol própria para as pernas. Elas prometem longa duração e a maioria não mancha as roupas nem sai com água. Uma alternativa mais prática é misturar a sua base de rosto ao seu hidratante e espalhar nas pernas até que a pele absorva completamente o produto. Nesse caso, melhor evitar roupas brancas, porque o pigmento pode transferir para o tecido.

Fontes: Duda Braga, maquiador; Priscila Nahas, cirurgiã vascular; e Lorice Miguel, terapeuta corporal.

Depilação é bom – e necessário

Pelos não combinam nada com verão. Mas, por outro lado, manchinhas e irritações também não. Alguns cuidados simples antes e depois da depilação podem ajudar a evitar esse tipo de incoveniente. Segundo a dermatologista Doris Hexsel, mulheres que vivem às voltas com pelos encravados podem optar pela depilação a laser porque ela reduz a quantidade de pelos de forma rápida e eficaz e, sem pelos, não há encravamento. Em uma única sessão você pode ver diminuir até 25% a quantidade de pelos.

Mas atenção: mulheres bronzeadas, mesmo que artificialmente, não devem optar por essa solução, por causa de possíveis manchas. Além disso, o tratamento completo pode durar até seis sessões, com espaçamento de um mês entre cada uma delas. Por isso, daqui até o verão só mesmo uma ou duas sessões, já que é preciso ficar longe do sol por pelo menos 20 dias depois do tratamento.

Se você é adepta da velha cera, é bom saber que ela pode causar traumatismos e queimaduras quando quentes, como explica Hexsel.

? Essas complicações podem levar a um processo inflamatório e resultar em manchas. Por isso, é importante usar filtro solar depois da depilação ? recomenda.

Seja lá qual for o seu método, esfoliar e hidratar a pele antes da depilação ajudam a manter longe pelos encravados e lesões cutâneas, de acordo com a terapeuta corporal Lorice Miguel.

? Depois de remover os pelos, no entanto, dê um tempo na hidratação. O ideal é usar apenas um gel calmante, que não entope os poros e evita, assim, pequenas inflamações. Dois dias depois, o hidratante está liberado ? ensina.

Leia mais
Comente

Hot no Donna