Homens olham mais pornografia quando seu candidato vence a eleição, diz estudo

Pesquisa americana avaliou a ligação entre testosterona e desejo sexual para chegar a este resultado

Quem vota em político posteriormente eleito teria mais desejo sexual, diz pesquisa
Quem vota em político posteriormente eleito teria mais desejo sexual, diz pesquisa Foto: Nelson/Jr.ASICS/TSE

Pode ser que as mulheres não curtam muito ler esta notícia um dia após as eleições. Um estudo realizado em junho deste ano por psicólogos das universidades americanas de Villanova e de Rutgers revelou que os homens sentem “necessidade” além do normal de ver pornografia quando seu candidato preferido vence uma eleição.

Pesquisas anteriores já haviam demonstrado que vencer ou perder uma disputa aumenta ou diminui os níveis de testosterona nos homens, mesmo quando eles são apenas espectadores de tal competição, segundo a revista Super. Como testosterona e desejo sexual estão conectados, os eleitores de políticos eleitos ficariam com os hormônios mais elevados e procuram mais estímulos sexuais do que o normal.

A fim de comprovar a relação entre ambos os fatos, os pesquisadores analisaram relatórios do Google com termos mais buscados nas semanas antes das eleições presidenciais de 2004 e 2008 nos Estados Unidos. E comprovaram que há relação entre os fatos sim. As buscas com os 10 termos mais safadinhos do relatório – “boobs” (peitos), por exemplo – prevaleceram nos estados que apoiaram Bush em 2004 e Obama em 2008, por exemplo. Isso também foi comprovado em avaliação de resultados de buscas de pornografia após as eleições para o Congresso em 2006. 

Como a pesquisa foi feita nos EUA, será que os resultados também valem para o Brasil?

Leia mais
Comente

Hot no Donna