Inibidores de apetite podem causar cegueira

Foto: Ricardo Wolffenbüttel

As férias exigem um corpo enxuto. Para conseguir tal proeza, uma parcela de mulheres usa as famosas fórmulas emagrecedoras para acelerar o metabolismo e obter resultado rápido. Além dos já conhecidos efeitos colaterais sobre o sistema nervoso central e cardiovascular, o oftalmologista Leôncio Queiroz Neto lembra que a dilatação da pupila, provocada por inibidores de apetite, aumenta a chance de surgir o glaucoma primário de ângulo fechado (GPAF).

Ele explica que a doença apresenta incidência de cegueira duas vezes maior que o glaucoma primário de ângulo aberto.

Segundo o médico, o distúrbio é mais comum entre mulheres, asiáticos, idosos e portadores de hipermetropia (dificuldade de enxergar de perto).

Isso porque, nesses grupos, a câmara anterior dos olhos pode ter menor profundidade, e a dilatação da pupila induz ao fechamento do ângulo entre a íris e a córnea, levando ao aumento súbito da pressão intraocular, que caracteriza a doença.

O oftalmologista João Luiz Pacini diz que a evolução do glaucoma é rápida.

O médico explica que, apesar de os casos relacionados ao uso de inibidores de apetite serem pouco frequentes, deve ser feita uma avaliação completa da câmara anterior antes da ingestão desse tipo de medicamento.

PALAVRA DE ESPECIALISTA
Leôncio Queiroz Neto é oftalmologista

COMO DEVE SER O TRATAMENTO DO GLAUCOMA DE ÂNGULO FECHADO?
::: Trata-se de uma emergência médica. O tratamento clínico imediato é feito com colírios que induzem à constrição pupilar, betabloqueadores para diminuir a produção do humor aquoso e corticoide tópico, que reduz a reação inflamatória aguda.

OUTROS MEDICAMENTOS PODEM INDUZIR AO DISTÚRBIO?
::: Sim. Medicamentos usados no tratamento de gripes e resfriados que contêm atropina também podem induzir a crises agudas do glaucoma de ângulo fechado. Por isso, o FDA (Food and Drug Administration), agência reguladora de medicamentos dos EUA, exige que toda medicação que induza à dilatação da pupila contenha uma advertência na embalagem.

QUAIS SUBSTÂNCIAS EMAGRECEDORAS PODEM CAUSAR PROBLEMAS DE VISÃO?
::: Todo medicamento que inibe o apetite tem como efeito colateral a dilatação da pupila e pode provocar problema na visão, principalmente quando é usado prolongadamente.

Leia mais
Comente

Hot no Donna