Jornal do Vaticano defende Os Simpsons e diz que Homer é católico

O periódico também elogiou a série por sua importância para a religião

Jornal diz que série é uma das poucas em que a fé cristã é tema recorrente
Jornal diz que série é uma das poucas em que a fé cristã é tema recorrente Foto: Reprodução/ Blog Sem Censura

Os Simpsons caíram na graça do Vaticano. O jornal L’Osservatore Romano publicou um artigo em que defende: “Poucos sabem, e ele faz de tudo para escondê-lo, mas é verdade: Homer J. Simpson é católico”.

Em dezembro do ano passado, o jornal também elogiou a série de TV por sua filosofia de ensino e sua atitude irreverente perante a religião. Estes são exemplos do esforço que o jornal do Vaticano tem desenvolvido nos últimos anos para ser mais relevante.

No último artigo, o jornal cita uma análise de um padre jesuíta, o reverendo Francesco Occhetta, discutindo um episódio de 2005, quando Homer e Bart se convertem após conhecerem um padre chamado Sean. Segundo o L”Osservatore Romano, por trás das piadas nessa história estão questões relacionadas “ao sentido e à qualidade da vida”.

? Os Simpsons é ainda um dos poucos programas para crianças em que a fé cristã, a religião, e questões sobre Deus, são temas recorrentes ? disse o reverendo.

Mas o produtor da série, Al Jean, afirmou que não é bem por aí. De acordo com o site EW, Jean diz que “mostramos claramente que Homer não é católico. Penso que ele não aguentaria deixar de comer carne às sextas-feiras” e acrescentou ainda que a “família frequenta a Primeira Igreja de Springfield, decididamente Presbiluterana”.

Leia mais
Comente

Hot no Donna