Kate Middleton está mais bem preparada que Diana para a jornada real

Não faltam comparações entre a união e a de Charles e Diana

O Palácio de Buckingham informou nesta manhã que o Príncipe William e Kate Middleton vão se casar em 2011
O Palácio de Buckingham informou nesta manhã que o Príncipe William e Kate Middleton vão se casar em 2011 Foto: AP

A entrada de Kate Middleton na família real britânica mostra-se mais promissora do que a de Diana, já que os dois pombinhos tiveram muito tempo para pensar sobre a futura união durante oito anos de relacionamento.

Mesmo anel de noivado, mesma cor azul real para o vestido: a foto de noivado de Kate Middleton e do príncipe William lembra inevitavelmente a de Diana e Charles em 1981. Mas a comparação para por aí.

Charles e a jovem Diana (19 anos), rígidos e constrangidos, encaravam os jornalistas, enquanto William e Kate, à vontade, respondiam sem pressa na terça-feira às perguntas, lado a lado em um sofá.

Charles, quando ouvido sobre seu amor por Diana, havia dito a frase infeliz: “sim… qualquer que seja o significado para a palavra amor”.

Enquanto William soube descrever demoradamente como seu amor “floresceu”, mencionando o senso de humor de Kate, os bons momentos e os “interesses em comum”.

? Eu acredito que ela se sairá muito bem ? comentou o especialista em protocolo real Charles Kidd. “A relação longa a preparou e acredito que o exemplo trágico do casamento do Príncipe de Gales estará para sempre no coração da família real”.

? Eles foram bem treinados ? comentou maliciosamente na terça-feira o príncipe Charles.

Para o especialista em protocolo, “a família real amoleceu”. O protocolo relaxou em 20 anos, “e Kate, com seu temperamento prático e suas origens ‘classe média’, vai se sair muito bem”, previu.

Aos 28 anos, a jovem teve certamente tempo para amadurecer a sua decisão sem a inocência, beirando a ingenuidade, de Diana.

William justificou que eles levaram oito anos para oficializar a relação porque ele queria “dar a Kate uma chance de voltar atrás antes de ficar muito sério”.

? Tento aprender as lições do passado ? acrescentou, fazendo alusão ao destino de sua mãe, que viveu um martírio com o protocolo e as convenções, sem falar no caso do casamento a três, com Camilla Parker Bowles.

O casamento de Charles e Diana era “uma armadilha para os dois, acredito que o Príncipe Charles foi tão vítima quanto Diana”, relembrou o historiador Jean Seaton.

? Agora, tudo é diferente. Esta mulher sabe aonde vai. É uma entrada mais bem preparada, mais bem negociada ? estimou.

Para o jornal Daily Telegraph, o mundo mudou. Em 1981, o celibato prolongado do herdeiro ao trono, com 32 anos, mergulhava a monarquia em um estado quase de pânico.

Em 2010, William e Kate revelaram estar juntos por quase oito anos fora de casamento e isto tornou-se até um trunfo.

Apenas The Guardian de centro-esquerda continua a sonhar com a entrada na família real de uma “mulher que reflita realmente o mundo moderno, que tenha tido uma vida antes do casamento, ambições pessoais, que tenha até uma carreira, quem sabe de sucesso”.

A jovem Kate trabalhou temporariamente para a loja de roupas Jigsaw, negócio de amigos da família, e colaborou com a empresa de seus pais de venda de material de festa.

Mas ela parece estar pronta para abraçar a carreira de esposa de príncipe, “e isso nos promete vários meses irritantes, onde o casamento será visto como o principal objetivo para uma mulher”, lamentou o jornal.

Leia mais
Comente

Hot no Donna