Lançamento de perfume em homenagem a Michael Jackson gera tensão em Las Vegas

Joe Jackson, pai do astro, quer comercializar produto, mas empresa dona dos direitos da marca quer impedir lançamento

Joe Jackson (foto): atritos com o sócio e com a detentora da marca Michael Jackson
Joe Jackson (foto): atritos com o sócio e com a detentora da marca Michael Jackson Foto: Nick Ut, AP

O lançamento de um perfume em homenagem a Michael Jackson gerou tensão na noite da última quinta-feira em Las Vegas. O motivo foi uma divergência entre os sócios, Joe Jackson – pai do astro pop – e o criador de aromas francês Franck Rouas. Além disso, o grupo americano que detém os direitos da marca Michael Jackson quer impedir na justiça a chegada do produto ao mercado.

Durante a apresentação do perfume, em festa no clube-cassino Caesars Palace, Jackson evitou o contato com o sócio, dono da empresa Julian Rouas Paris. Os problemas entre teriam começado após a publicação, na internet, de um contrato do perfume, que gerou desconfiança por parte do pai de astro com o francês.

– Não gosto da forma como ele (Rouas) faz as coisas. Mas o negócio do perfume continua, foi iniciativa minha -, disse o patriarca dos Jackson.

Impasse sobre marca registrada pode impedir lançamento

A esta tensão, soma-se a tentativa de um grupo americano de impedir que as fragrâncias sejam lançadas no mercado. Na quinta-feira, a empresa detentora dos direitos de comercialização dos produtos com o nome de Michael Jackson – morto em 2009 – abriu um processo contra Rouas na corte do distrito de Los Angeles. A intenção é impedir que a Julian Rouas Paris continue faturando sobre a marca registrada, direitos autorais e o nome de Michael Jackson.

Após a morte do filho, Joe Jackson subestimou as implicações legais e procurou continuar investindo na marca, que movimenta milhões de dólares nas mãos de um fundo do qual ele foi afastado no testamento do astro pop.

– Podem dizer o que quiserem, mas eu sou o pai e posso decidir o que fazer com seu nome e em sua homenagem -, disse Jackson.

As fragrâncias devem ser vendidas a US$ 40 nos Estados Unidos e na Europa.

Leia mais
Comente

Hot no Donna