Livro aborda histórias de músicas famosas inspiradas em mulheres

Músicas & Musas: A Verdadeira História por trás de 50 Clássicos Pop

Foto: Divulgação

O amor pautou grandes sucessos da música em todo o mundo. Isso não é novidade. Mas Michael Heatley e Frank Hopkinson decidiram reunir algumas dessas histórias de amor no livro Músicas & Musas: A Verdadeira História por trás de 50 Clássicos Pop. O lançamento da editora Gutenberg conta quem foram as mulheres que inspiraram esses artistas e fizeram as músicas deles mundialmente conhecidas.

Os acordes iniciais de Sweet Child o’Mine são facilmente reconhecidos. É muito difícil encontrar alguém que nunca tenha ouvido o hit do Guns N’ Roses. O livro conta que Axl Rose conheceu Erin Everly e ficou loucamente apaixonado, em 1986. A paixão se manifestou primeiro por um poema, depois veio a música que reflete um homem inebriado de amor. Repleto de momentos turbulentos, o relacionamento acabou após relatos de agressões físicas e abusos cometidos por Axl com álcool e drogas. A letra romântica não foi suficiente para juntar o casal.

Os Rolling Stones ganharam dois capítulos com a história por trás de Under my Thumb e Miss Amanda Jones. Esta última foi inspirada em Amanda Lear, jovem cercada de mistério, que foi grande amiga de Salvador Dali e frequentava a alta sociedade londrina com Brian Jones, um dos fundadores dos Stones. A letra escrita por Mick Jagger e Keith Richards brinca com a possível transexualidade de Amanda, o que nunca foi dito com todas as palavras e fazia parte de todo o mistério que a cercava.

A cantora Dory Previn compôs Beware of Young Girls não necessariamente para uma musa. A história que abre o livro é um desabafo após a sofrida separação de Dory e André Previn, letrista com quem compunha para Hollywood. A “musa” de Dory é Mia Farrow, atriz com quem André se casou e teve uma família grande com seis filhos, entre naturais e adotivos. A letra diz assim: “Cuidado com garotas novinhas que batem à sua porta lânguidas e pálidas, em seus 24 anos”. A referência é clara a Mia, que tinha, na época, 15 anos a menos que André.

A única música brasileira contemplada por Músicas & Musas é Garota de Ipanema, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. Os relatos dos passeios da bela Helô Pinheiro pelas ruas de Ipanema, no Rio de Janeiro, levaram o Brasil e a capital carioca a todos os cantos do mundo.

O LIVRO

Músicas & Musas: A Verdadeira História por trás de 50 Clássicos Pop
Autores: Michael Heatley e Frank Hopkinson
Editora: Gutenberg – 144 páginas
Preço médio: R$ 34,90

Leia mais
Comente

Hot no Donna