Livro apresenta dieta para ajudar a prevenir ou retardar o câncer

Oncologista francês destaca alguns hábitos que ajudam a combater ou que podem facilitar o desenvolvimento da doença

Rica em oxidantes, a romã é um dos alimentos que podem ser inseridos na dieta anticâncer
Rica em oxidantes, a romã é um dos alimentos que podem ser inseridos na dieta anticâncer Foto: Stock.xchng

O que provoca o câncer? É possível prevenir a doença? Quais alimentos podem ajudar a retardar o desenvolvimento do câncer? Existe uma dieta preventiva? As respostas para essas e outras questões estão no livro A verdadeira dieta anticâncer, do oncologista francês David Khayat.

Com o intuito de esclarecer dúvidas sobre o que funciona e o que ainda não teve sua eficácia atestada com relação à luta contra o câncer, a publicação destaca alguns hábitos que ajudam a combater ou que podem facilitar o desenvolvimento da doença. Como formular uma dieta realmente eficaz, que previna e ajude a vencer o câncer, é uma das propostas do livro.

? O que podemos fazer? A resposta é simples: a não ser que se encontre muito rapidamente um tratamento milagroso que transforme o câncer em uma simples constipação, não há alternativa senão firmar um compromisso inabalável com a melhor, mais econômica e, ao mesmo tempo, mais eficaz forma de lutar contra o câncer: a prevenção. Evitar que o câncer se desenvolva continua sendo, logicamente, a estratégia mais aceitável e realista para tentar erradicar esse flagelo ? explica o especialista.

Khayat garante que a alimentação na sociedade moderna vem se tornando, cada vez mais, deficiente: consumo de frutas e legumes com agrotóxicos, carnes modificadas à base de hormônios do crescimento, bebidas ricas em acidulantes, corantes e outros produtos químicos prejudiciais a saúde. Mas, com uma dieta rica em fibras e alimentos com alto nível de antioxidantes, é possível prevenir não apenas o câncer, mas uma série de outras doenças, afirma o oncologista.

Ao contrário do que dizem muitos especialistas, o peixe nem sempre é um bom alimento anticâncer. A carne do salmão, por exemplo, acumula alguns tipos de metais extremamente cancerígenos, assegura o médico. Já a carne vermelha não aumenta os riscos da doença. Khayat assegura que a romã é uma aliada importante, rica em antioxidantes.

Destinado não só àqueles que acreditam no tratamento e na prevenção do câncer por meio da alimentação, mas também aos que convivem ou conhecem pessoas com a doença, o livro A verdadeira dieta anticâncer ? lançado em 2011 na Europa ? se tornou um aliado no combate à doença.

Leia mais
Comente

Hot no Donna