Mente esgotada aprende menos: mais de 70% dos brasileiros têm o problema

Fugir do estresse traz benefícios para todas os aspectos da sua vida

Ansiedade é um dos sintomas da pressão negativa do estresse
Ansiedade é um dos sintomas da pressão negativa do estresse Foto: Ricardo Chaves

O dia mal começou, e você já sabe que 24 horas serão insuficientes para dar conta da montanha de afazeres que o espera. Corre para o trabalho, almoça de qualquer jeito, lê centenas de e-mails, busca o filho no colégio, vai ao supermercado, atende a um cliente, visita seus pais. Espreme mais um pouco, e faz um jantarzinho diferente, um cinema ou uma balada. É o retrato da modernidade.

Há quem esbanje jogo de cintura e autocontrole. Mas 70% da população padece do sinal mais claro da ansiedade: o estresse. O corpo logo acusa os danos de tanta agitação. Uma das primeiras engrenagens a falhar é o cérebro. O biólogo molecular americano John Medina adverte: mentes estressadas aprendem menos. O alerta é uma das 12 regras do livro Aumente o Poder do seu Cérebro (Editora Madras, 147 páginas, R$ 24,90), recém-lançado no Brasil.

O mecanismo é simples. A cada hora do dia, centenas de fatos ingressam pelos seus olhos e ouvidos e são recepcionados pelo cérebro. O que lhe interessa é mais aproveitado. O que não lhe agrada tanto é dispensado. Só que há elementos que precisam ser gravados, independentemente do grau de interesse. Por isso, o ato de memorizar está ligado à atenção dispensada a um determinado assunto, e é justamente o estresse um dos responsáveis por prejudicar essa equação.

Fuja dele
Dormir seis horas por dia, fazer atividade física quatro vezes por semana, ter tempo para relaxar e fazer o que gosta, alimentar-se seis vezes por dia e delegar funções estão entre as dicas para combater o estresse

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna