Mulheres contam suas experiências sobre sexo, masturbação e orgasmo

Duas mulheres bem-sucedidas falam sobre a importância de estar relaxada e da masturbação

"O famoso ditado relaxa e goza é o clichê mais verdadeiro do mundo", diz a blogueira Renata Rodrigues
"O famoso ditado relaxa e goza é o clichê mais verdadeiro do mundo", diz a blogueira Renata Rodrigues Foto: Arquivo Pessoal

“Todas as vezes que uma amiga me diz: foi bom, mas eu não gozei, eu penso no quanto ela deveria estar tensa enquanto estava transando. A mulher pode estar tranquilinha, curtindo numa boa, quando, de repente, pensamentos assombrosos dominam tudo, deixando-a completamente histérica: será que ele está me achando gostosa?, minha depilação, minha depilação!, hoje eu estou com uma preguiça, não sei se vou chegar até o fim.

Que os astros nos ajudem com tanta neurose porque, se existe alguma coisa que pode travar tudo, é a nossa querida cabeça e, como somos mulheres, só pode ser a de cima. Homem não têm esses questionamentos baratos na hora em que está transando. Ele é mais objetivo, focado e determinado a gozar.

As clássicas xiii, ele tem um pênis pequeno. Que movimento bizarro é esse que ele está fazendo?, Ele podia fazer mais devagar são constatações que, se ocorressem ao sexo masculino, seriam bobagens. Por exemplo, se o homem olha uma vagina e pensa alguma coisa que possa estragar o orgasmo dele, imediatamente, ele passa um comando para o cérebro dizendo depois eu penso nisso, porque agora devo continuar e tchãs, manda bala. Já no caso do movimento bizarro, ele simplesmente dá um giro 360º e a mulher puf, fica em outra posição. Se ele está com preguiça, mas a segunda cabeça está correspondendo, dá um jeito da mulher movimentar mais o corpo, pensa umas bobagens e foi, gol marcado.

Aí pergunto: Eles estão errados? De jeito nenhum. O orgasmo feminino precisa passar por muitas etapas para ser vitorioso no final da partida. Se a mulher começa a pensar muito, bye bye orgasmo, passa amanhã. É da nossa natureza pensar muito, eu sei… Mas pensar numa fantasiazinha na hora que está transando é muito mais promissor do que ficar se questionando se é ou não um bom dia para fazer sacanagem.

O famoso ditado relaxa e goza é o clichê mais verdadeiro do mundo. Quanto mais relaxada estivermos, mais próspero será o nosso orgasmo e, isso sim, é uma coisa importante para pensarmos na hora do vamos ver.”

Renata Rodrigues, publicitária e roteirista, casada e mãe de dois filhos, autora do blog cabecademulhersempapasnalingua. blogspot.com.

Sem vergonha de se tocar

“Eu descobri o orgasmo com um ex-namorado aqui de Florianópolis que pedia para eu me tocar. Comecei e vi que era bom. Por isso continuei e não parei mais. Acho que todas as mulheres deveriam se tocar para conhecer o próprio corpo. Assim o relacionamento melhora, porque ela ficará mais exigente e saberá pedir para seu parceiro carinhos que a façam chegar ao orgasmo.

Digo isso porque se o homem não sabe fazer sexo oral direito, fica difícil. Mas se a mulher ajudar… ele aprende rapidinho. Mulheres, não tenham vergonha de se tocar. É muito bom e faz parte de uma transa gostosa.”

Marcia Imperator, 38 anos, atriz erótica.

Leia mais
Comente

Hot no Donna