Naomi Campbell agride fotógrafo em ilha italiana

Di Giovanni não descarta prestar queixa contra a modelo

Naomi já foi condenada por bater em uma empregada doméstica
Naomi já foi condenada por bater em uma empregada doméstica Foto: Guillaume Horcajuelo

A modelo Naomi Campbell insultou e agrediu um fotógrafo na ilha italiana de Lipari, que inclusive teve que ser levado para um hospital por causa do ocorrido, informou neste sábado a imprensa do país.

Segundo o jornal La Repubblica, a vítima é o fotógrafo Gaetano Di Giovanni, o qual assegurou que a top model reagiu com “raiva” quando se aproximou para fotografá-la pouco depois de chegar a Lipari em um iate do milionário russo Mikhail Prokhorov.

Quando o casal, que vinha de Saint Tropez, na Riviera francesa, se dirigia a uma igreja da ilha italiana, Di Giovanni tentou fotografar Naomi. Nisso, a modelo reagiu “com raiva, batendo em mim com a bolsa e me xingando em inglês”, assegurou o fotógrafo.

? Não satisfeita, tentou me dar um tapa na cara, mas o evitei. Porém, suas unhas alcançaram um de meus olhos. Não vi nada por alguns momentos, só escutava que os guarda-costas e o marido tentavam contê-la. Alguns habitantes da ilha me levaram a um hospital, onde fui tratado e me disseram que estarei bem em alguns dias ? relata Di Giovanni.

Di Giovanni não descarta prestar queixa contra a modelo, que já se envolveu em outros casos de agressão.

Naomi já foi condenada por bater em uma empregada doméstica. Em 2005, agrediu sua amiga Yvonne Scio em um hotel de luxo de Roma e, no ano passado, atacou um policial em Londres.

O La Repubblica lembra que a modelo já se envolveu em confusão no arquipélago das Eólias, onde fica a ilha de Lipari. Há alguns anos, na ilha de Panarea, a inglesa discutiu com a dona de um hotel, onde quebrou pratos e copos, e depois a agrediu.

Ainda segundo o jornal, em outra ocasião, na ilha de Stromboli, onde era hóspede dos estilistas Domenico Dolce e Stefano Gabbana, discutiu com Clio Napolitano, esposa do atual presidente italiano, Giorgio Napolitano, que à época era ministro do Interior.

Aparentemente, Clio Napolitano chamou a Polícia às duas da manhã por causa do barulho que vinha da casa dos estilistas. No dia seguinte, quando Naomi cruzou com a atual primeira-dama na ilha, a insultou repetidamente.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna