No Donna ZH deste domingo: Procura-se babá

Se aproxima um futuro em que as babás se tornarão artigo de luxo

Babás são o tema da reportagem deste domingo
Babás são o tema da reportagem deste domingo Foto: Divulgação

Quem tem filho pequeno já se defrontou com a seguinte questão: babá ou escolinha? Pois se aproxima um futuro em que a primeira opção se tornará um artigo de luxo. Este é o tema da reportagem de capa da revista Donna ZH do próximo domingo: as babás nunca estiveram tão valorizadas e disputadas no mercado, a ponto de haver filas de espera nas agências, olheiros em busca de uma profissional em pracinhas e festas infantis e salários cada vez mais polpudos – e que nem todos os pais podem pagar.

Com a economia aquecida, mais acesso ao ensino superior e mais oportunidades de emprego, elas exigem não apenas uma boa remuneração, mas melhores condições de trabalho, carga horária definida e benefícios. Babás com experiência e referência inverteram o jogo: com a procura maior do que a oferta, hoje as famílias parecem precisar mais delas do que o inverso.

Em oito páginas, a repórter Patrícia Rocha apresenta esse novo cenário, contando histórias de superbabás, que recebem propostas toda semana e recebem mais dinheiro por mês do que muitas patroas, e o ponto de vistas de mães dispostas a fazer esse investimento ou que apelaram para um plano B. Pensando em um futuro em que babás serão uma opção de poucos, a exemplo de países como França e Estados Unidos, especialistas avaliam que mudanças se anunciam no mercado, nas políticas sociais e na forma como as famílias deverão se organizar em relação ao cuidado dos filhos e às tarefas domésticas.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna