Nova onda mundial da gastronomia, os food trucks transformam o conceito de comida de rua

De comida japonesa à cozinha de autor, tudo é possível aos caminhõezinhos adaptados que se transformam em restaurante nas esquinas

Truck de comida orgânica na Califórnia
Truck de comida orgânica na Califórnia Foto: Green Truck On The Go

Quando você pensa em comida de rua, o cardápio que vem à mente é composto por bauru, cachorrão ou churrasquinho, certo? Prepare-se, então, para ampliar essa lista de opções. Tendência da gastronomia mundial, os food trucks extrapolam os limites das velhas e boas carrocinhas e oferecem de tudo. De tudo mesmo. De comida japonesa à cozinha de autor, tudo é possível aos caminhõezinhos adaptados que se transformam em restaurante nas esquinas. A febre começou pelos Estados Unidos, mas já está ganhando adeptos no Brasil e em outros países da América do Sul.

Há alguns anos, com a crise americana, muitos restaurantes fecharam, deixando chefs desempregados. A solução para quem queria sobreviver em meio à adversidade foi eliminar os custos com aluguel e manutenção de um local tradicional e apostar no food truck. Nasceram assim locais que, até hoje, são referência nas ruas de Los Angeles, Nova York e outras grandes cidades. Até festivais de comida de rua são realizados em diferentes pontos dos Estados Unidos. Um dos mais conhecidos é o New England Food Truck Festival, que ocorre no bairro de Dorchester, em Boston.

Nas ruas brasileiras ainda há poucos food trucks, mas eles vêm surgindo devagarinho, a maioria em São Paulo. Um dos mais conhecidos é a Temakeria Navan, inaugurada em janeiro por um grupo de jovens empresários que estaciona regularmente na rua José Gomes Falcão, Vila Olímpia. Dentro de uma van que utiliza energias eólica e solar, são preparados 27 tipos de temakis. A especialidade do cardápio é o Salmão Nuts, que mistura salmão, maionese, amêndoas e macadâmia.

 Temakeria Navan
Foto: Divulgação

Em maio deste ano, o chef Márcio Silva, do extinto Oryza, anunciou que pretende montar um food truck, também em São Paulo, em parceria com o chef Jorge Gonzalez, ex-D.O.M. Eles pretendem abrir a van em setembro, para oferecer almoços inspirados na comida dos botecos paulistanos – com um toque de alta gastronomia, claro.

Tanto nos Estados Unidos como no recém-nascido mercado brasileiro, a publicidade mais forte é o boca a boca feito por quem já experimentou as delícias da nova geração dos carrinhos de comida de rua. Quando essa nova onda gastronômica chegar por aqui, os gaúchos continuarão apaixonados por bauru, cachorrão e churrasquinho. Mas essas três tradicionais iguarias gaudérias ganharão, certamente, uma concorrência de grande estilo.

As últimas do Donna
Comente

Hot no Donna