Nova pesquisa revela mulheres fazendo sexo por obrigação, e não por prazer

Estudo americano afirma que transar rejuvenesce

Organização destaca benefícios do sexo para bem-estar e contra envelhecimento
Organização destaca benefícios do sexo para bem-estar e contra envelhecimento Foto: Stock Photos, Divulgação

Embora muitas mulheres pareçam estar na busca perpétua da juventude e da última palavra em produtos e remédios contra a idade, é possível que a chave para permanecer jovem esteja em seus quartos. Mas, de acordo com uma nova pesquisa internacional, poucas mulheres reconhecem os benefícios para o bem-estar de uma vida sexual saudável.

A pesquisa anual WomenTALK, contratada pela organização HealthyWomen, especializada em saúde para as mulheres, descobriu que, embora metade das mulheres (51%) acredite que se envolver em atividade sexual algumas vezes por semana seja considerado sexualmente saudável, um número bem menor (30%) se envolve em atividade sexual neste nível.

De fato, a maioria (66%) informa que se envolve em atividade sexual uma vez por semana ou menos.

A psiquiatra especializada em saúde feminina Naomi Greenblatt analisou os dados da pesquisa e disse que o resultado do levantamento da WomenTALK reflete o que ela vê em seu consultório.

? Há uma tendência mundial de mulheres fazendo sexo por obrigação, e não com o propósito de prazer. Mulheres dizem que o dia tem apenas 24 horas e simplesmente não estão priorizando o sexo entre suas tantas atividades diárias ? avalia.

A médica afirma ainda, citando um estudo do Royal Edinburgh Hospital (Escócia) sobre os benefícios do sexo, que transar é uma verdadeira “fonte da juventude”.

? Mulheres que praticam sexo pelo menos quatro vezses por semana parecem 10 anos mais jovens do que suas idades atuais ? afirma.

Sobre a pesquisa

O levantamento foi conduzido online pela Harris Interactive para HealthyWomen entre agosto e setembro deste ano com 1,031 mulheres com mais de 18 anos e que vivem nos Estados Unidos.

Leia mais
Comente

Hot no Donna