Para engravidar de uma menina, aposte na dieta vegetariana

Pesquisadores afirmam que a alimentação pode fazer toda a diferença na concepção

Ingestão de alimentos ricos em cálcio e magnésio tornaria ambiente do útero mais propício ao cromossomo X
Ingestão de alimentos ricos em cálcio e magnésio tornaria ambiente do útero mais propício ao cromossomo X Foto: Stock xchng, Divulgação

Compartilhar

Mulheres que comem pouca carne e muitas frutas e verduras têm mais chances de ter filhas meninas. Pelo menos é o que afirmam pesquisadores dinamarqueses. Por outro lado, uma dieta rica em potássio e sódio, encontrado nas carnes, nas bananas e nas batatas, pode aumentar as chances de ter um menino. A equipe, que estudou 172 casais, afirma que a dieta certa pode fazer toda a diferença na hora da concepção.

Para provar a teoria, os pesquisadores prescreveram uma dieta com muitas folhas verdes (como espinafre, couve e rúcula), frutas secas e arroz integral. Segundo eles, estes alimentos são ricos em cálcio e magnésio, dois minerais que tornam o ambiente do útero mais propício para o cromossomo X. Para dar certo, o plano alimentar deve começar pelo menos nove semanas antes da primeira tentativa de concepção.

Após alguns meses de tentativas, 80% das participantes engravidaram de meninas. Além da alimentação, elas tomaram suplementos dos dois minerais e fizeram exames de sangue periódicos para determinar seus dias férteis.

O resultado, publicado no jornal científico Reproductive BioMedicine Online, deixou os médicos esperançosos.

– Se as mulheres fizerem tudo o que recomendamos, as chances de engravidar de uma menina aumentam drasticamente. O método é experimental, mas conseguimos provar que ele funciona – afirmou o pesquisador Annet Noorlander ao jornal britânico Daily Mail.

Leia mais
Comente

Hot no Donna