Patrícia Poeta substituirá Fátima Bernardes no Jornal Nacional

A partir de 2012, Fátima comandará nova atração pela manhã

Patrícia Poeta e Fátima Bernardes
Patrícia Poeta e Fátima Bernardes Foto: Montagem sobre fotos de Divulgação e João Miguel Júnior, TV Globo/Divulgação

Patrícia Poeta é a nova apresentadora do Jornal Nacional. A jornalista gaúcha assumirá o lugar de Fátima Bernardes, que anunciou sua saída em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira.

Patrícia vinha apresentando o Fantástico há quase cinco anos. Seu posto na atração dominical da Globo será ocupado por Renata Ceribelli, que já apresenta ocasionalmente o programa.

A mudança ocorrerá na edição de segunda-feira, dia 5, quando haverá uma edição especial do Jornal Nacional. Após a apresentação das notícias do dia, Patrícia Poeta será chamada à bancada por Fátima e William Bonner, editor-chefe e apresentador. Na edição especial, serão exibidos vídeos sobre a carreira das duas jornalistas.

No domingo (4), Patrícia apresentará o Fantástico normalmente. Na semana seguinte (11), ela ainda voltará ao cenário do programa dominical, para entregar o posto a Renata.

Hoje com 35 anos, Patrícia Poeta já passou pelo JN, mas para apresentar a previsão do tempo. Sua primeira aparição foi em novembro de 2000 – quando tinha 24 anos e dividia com Chico Pinheiro o comando do telejornal local em São Paulo, o SPTV. Formada pela PUCRS, Patrícia Poeta também atuou como correspondente da Globo em Nova York durante quatro anos.

Fátima, que tem 49 anos e dividia a bancada com seu marido William Bonner há 13, vai ganhar um programa diário, que deve ocupar um espaço nas manhãs da emissora no ano que vem. Ainda sem nome definido, a atração vem sendo trabalhada sob a supervisão de Guel Arraes e do casseta Cláudio Manoel. Em princípio, o programa vai ser encaixado na grade da emissora, sem ocupar o lugar de nenhum dos que estão atualmente no ar pela manhã: o Mais Você, de Ana Maria Braga, o Bem-Estar, de Mariana Ferrão e Fernando Rocha, e o TV Globinho.

– O que posso adiantar é que eu continuarei com funções jornalísticas – disse Fátima Bernardes, na coletiva. – Esse programa não é parecido com nenhum outro que está no ar. É um sonho antigo que eu vinha amadurecendo. Este ano, em abril, entreguei um resumo do que eu queria fazer e fiquei muito feliz quando soube que o projeto agradou. Já estamos trabalhando com um núcleo bem pequeno, mas já a partir da próxima semana a implementação desse programa será acelerada. Agora, por questões estratégicas, ainda não posso contar nada sobre a estrutura, cenário, locação, horário ou dia da semana – conta Fátima.

Segundo o diretor geral de Jornalismo e Esporte da Rede Globo, Carlos Henrique Schroder, Fátima vinha há algum tempo propondo um novo programa e, em abril deste ano, ao apresentar uma proposta formal, a ideia era tão consistente que foi aprovada de imediato pelo diretor-geral da Rede Globo, Octávio Florisbal.

– Este é um processo normal de evolução e renovação do jornalismo da Globo – afirmou Schroeder. – Fátima, Patrícia e Renata construíram carreiras sólidas aqui na TV e chegaram aonde chegaram por mérito. Com certeza, terão grande sucesso em suas novas funções. A proposta de Fátima realmente é excelente e ela conta com uma sucessora como Patricia Poeta, uma jornalista cujo talento é reconhecido pelos brasileiros. Ao mesmo tempo, Renata Ceribelli já é tão integrada ao Fantástico que a sua escolha é mais do que natural. Com esses ingredientes, tomar a decisão de mudar não foi difícil.

Também presente na coletiva, William Bonner disse que a escolha de Patrícia foi um consenso entre todos no jornal e na direção da empresa:

– Estamos na mesma empresa fazendo jornalismo há muitos anos. De uma certa forma, é como se fôssemos colegas de longa data. O JN é um programa que faz parte da vida dos brasileiros há quatro décadas. Todas as mudanças por que passou nesse período foram em sintonia com o público. Por isso, o JN não muda. Até porque o perfil da sucessora da Fátima está perfeitamente alinhado com as qualidades que se exigem de quem ocupe um lugar na bancada.

Além de apresentar, Patrícia Poeta cumprirá funções executivas no Jornal Nacional, como já acontecia com Fátima, que era editora da atração.

– Jornalista está sempre olhando para a próxima história, o próximo desafio. Claro que assumir o Fantástico, quase cinco anos atrás, foi um marco importante. Agora, fazer o Jornal Nacional, a partir dos próximos dias, significa o início de um capítulo totalmente novo da minha vida profissional – disse Patrícia.

Patricia Poeta, Fátima Bernardes, William Bonner e Renata Ceribelli : time de apresentadores da Globo

A trajetória de Patrícia Poeta

Patrícia Poeta se formou pela PUC-RS. Sua carreira começou como repórter e apresentadora na TV Bandeirantes de Porto Alegre. Em novembro de 2000, então com 24 anos, apresentou pela primeira vez a previsão do tempo no Jornal Nacional. Nos dois anos seguintes, passou pela bancada do SPTV 2ª edição e fez reportagens. Aos sábados, apresentava o Jornal Hoje.

Em 2003, mudou-se para Nova York e assumiu como correspondente em telejornais da Rede Globo e em programas da Globo Internacional. Ficou nos Estados Unidos até 2007 e aproveitou a oportunidade para fezer pós-graduação em cinema na Universidade de Nova York.

Voltou ao Brasil em 2007 e tornou-se repórter do Fantástico. Um ano depois assumiu como apresentadora titular do programa, ao lado de Zeca Camargo e Tadeu Schmidt, mas também continuou fazendo reportagens.

Leia mais
Comente

Hot no Donna