Período do verão aquece o mercado de trabalho do segmento da estética

Veja quais são as áreas mais procuradas e as dicas para quem quer se qualificar

Métodos que reduzem medidas estão em alta no verão
Métodos que reduzem medidas estão em alta no verão Foto: Divulgação

Compartilhar

O verão já chegou e ninguém quer fazer feio ao vestir o traje de banho. Por isso, homens e mulheres investem pesado em tratamentos de beleza nessa época do ano. Entre os mais procurados estão a drenagem linfática, a endermologia, a massagem modeladora e outros métodos que reduzem medidas.

Tanta preocupação com o visual influencia diretamente na contratação de esteticistas e até fisioterapeutas, que há alguns anos também passaram a investir nesse segmento. A procura por profissionais qualificados enche as direções de cursos de pedidos de clínicas e até de clientes que desejam fazer o procedimento em casa.

Segundo Clarissa Bandeira, responsável técnica pela formação de estética, massoterapia e podologia do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), não há um único aluno das cinco turmas para as quais ela ministra aulas que não esteja empregado.

? Recebo muitas demandas de centros de estética, mas não tenho mais quem indicar. Todos já estão trabalhando ? conta a professora.

Essa procura, explica ela, é grande durante todo o ano, mas se intensifica nesse período pré-verão.

? As pessoas estão com mais tempo e com um dinheirinho extra, e decidem investir na beleza ? justifica.

Mas quem faz um tratamento estético quer resultados e, para isso, é preciso um atendimento qualificado. O que exige que os trabalhadores do setor se reciclem constantemente. Afinal, volta e meia surgem novos aparelhos e técnicas. Há hoje no mercado formações com duração de dois anos que aliam a teoria à prática, das quais os alunos saem com o título de técnico em estética. Nesses cursos, aprende-se mais que uma simples massagem. São ensinadas matérias de anatomia, canais linfáticos, manuseio de produtos químicos para clareamento da pele, entre outros procedimentos.

O investimento em uma qualificação inicial varia entre R$ 90 e R$ 870 mensais ? dependendo se o grau de formação é técnico ou superior.

Ética em casa
O salário de técnicos e tecnológos em estética pode variar de R$ 500 a R$ 5 mil. Mas ao ingressar no setor é preciso tomar alguns cuidados. Um dos principais é com a possível exploração de empresas que terceirizam profissionais.

É importante observar ainda que há técnicas que exigem formação de nível superior em áreas como fisioterapia, dermatologia ou enfermagem. Procedimentos como a carboxiterapia e as aplicações de laser e de ácidos concentrados exigem do profissional a formação em cursos que duram de três a cinco anos, além de especializações.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna