Pesquisa internacional mostra como as nações veem a igualdade entre os sexos

Quase a maioria dos entrevistados defende direitos iguais para homens e mulheres

Igualdade entre os sexos é defendida pela maioria dos entrevistados
Igualdade entre os sexos é defendida pela maioria dos entrevistados Foto: Stock Photos, Divulgação

Habitantes do mundo todo afirmam que apoiam direitos iguais para homens e mulheres, mas muitos ainda acreditam que os homens devem ter a preferência quando se trata de obter bons empregos e educação, entre outros itens. O resultado faz parte do relatório divulgado nesta quinta-feira pelo Pew Global Research (Estados Unidos) com informações de 22 países sobre o tema igualdade entre os sexos. O Brasil também está entre os países pesquisados.

Por aqui, 37% dos entrevistados acreditam que os homens devem ter prioridade em encontrar empregos durante épocas de crise econômica. No entanto, praticamente a totalidade dos participantes (95%) declararam que são a favor da igualdade de gênero.

Em outros 13 países, mais de 90% dos entrevistados declararam que apoiam os direitos iguais para homens e mulheres. Chamou a atenção o resultado da Nigéria, único país no qual 54% dos participantes revelaram que as mulheres não devem ter direitos iguais aos do homem.

No que se refere aos aspectos de qualidade de vida, a maior parte dos participantes consultados revelou que acha que os homens são mais beneficiados. Os franceses, por exemplo, somam 75% no grupo que acredita que o sexo masculino tem mais oportunidades para qualidade de vida.

O levantamento do Pew foi realizado entre abril e maio deste ano.

Fonte: New York Times

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna