Pesquisa sugere que mulheres têm “radar para gays”

Estudo afirma que instinto fica mais forte em períodos férteis da mulher

Pesquisa diz que mulheres têm capacidade de identificar homens gays
Pesquisa diz que mulheres têm capacidade de identificar homens gays Foto: Divulgação

Uma pesquisa feita por psicólogos da Universidade de Toronto, no Canadá, sugere que as mulheres têm um “radar para gays” e podem saber a sexualidade de um homem só de olhar para ele. Será? O estudo diz ainda que o instinto fica mais forte em períodos férteis ou quando a mulher em questão está a fim de um romance. Tudo relacionado ao impulso de ter filhos, segundo a pesquisa.

Em um experimento, 80 fotos de homens com a mesma expressão facial foram mostradas a 40 mulheres heterossexuais, que souberam apontar exatamente quem era heterossexual ou gay. Em um teste similar com fotos de mulheres, o grupo não soube dizer a diferença.

Os pesquisadores então compararam os resultados ao ciclo menstrual de cada mulher e descobriram que o “radar para gays” era mais forte nos períodos férteis, o que sugere a influência dos hormônios na escolha de possíveis pretendentes.

Em um outro experimento, metade do grupo leu uma história de amor antes de identificar os rostos dos homens – a ideia era envolvê-las em ideias românticas. Essas tiveram ainda maior facilidade na identificação, o que mostra que a intuição feminina é forte não só quando o relógio biológico toca.

– A precisão feminina pode variar durante o ciclo de fertilidade já que a orientação sexual masculina é relevante para a concepção, mas as ilações românticas aumentam essa exatidão – acredita o coordenador do estudo, professor Nicholas Rule.

Leia mais
Comente

Hot no Donna