Produtos ligth ou diet ajudam quem está de dieta e não abre mão da sobremesa

Opções para quem morre de medo de engordar ou sofre com restrições alimentares

Foto: Fleischmann/Banco de imagens

Compartilhar

Se pretende se deliciar com sobremesas após uma refeição, é necessário um certo cuidado. Para não engordar, o comportamento ideal ainda é manter-se longe do exagero.

? Não existe mais essa ideia de que alimentos light ou diet não são gostosos. Hoje, a qualidade dos ingredientes usados não faz com que o paladar seja alterado ? garante a nutricionista Jucinéia Nogueira.

Mesmo que o ligth e o diet possam ser opções no preparo das sobremesas, ainda há certas regras válidas para todos que não dispensam um doce. Segundo a nutricionista, a mais importante delas vai contra a diversidade de doces.

? Lógico que não é preciso se privar, mas tem de haver um controle. Quem não tem nenhum tipo de patologia deve tentar consumir apenas um tipo de doce, em porções pequenas e, se possível, comer os que levam frutas na receita ? aconselha Jucinéia.

Para os que têm restrições alimentares por problemas de saúde, o importante é saber o que foi usado para preparar os doces. O leite de soja pode ser usado nos doces de quem tem intolerância à lactose, bem como a fécula de batata ou a farinha de arroz pode ajudar aqueles que não comem glúten a não deixar de lado as delícias açucaradas.

O chocolate, claro, também entra na conta. Eliana Valladão, cozinheira e proprietária de uma chocolateria de Brasília, conta que desde que abriu seu negócio teve a preocupação em usar ingredientes com potencial calórico menor.

? Desenvolvemos várias receitas para quem é chocólatra e tem problemas de saúde. Vários nutricionistas sugerem nossos produtos, principalmente aqueles com muito cacau. Eles têm quase nada de açúcar, são mais amargos e ainda saciam o desejo de quem adora chocolate.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna