Protesto na SPFW quer 20% de modelos negros nos desfiles

Ato foi organizado por entidade em em favor da causa negra

Animale apostou nos tons lavanda e trouxe tops como Joan Smalls (foto)
Animale apostou nos tons lavanda e trouxe tops como Joan Smalls (foto) Foto: Zé Takahashi, Agência Fotosite/Divulgação

Um ato organizado pela ONG Educafro (Educação e Cidadania de Afrodescendentes e Carentes) chamou a atenção de quem compareceu hoje à abertura da São Paulo Fashion Week, no Parque Ibirapuera, em São Paulo. Acorrentados em sinal de protesto, manifestantes reivindicaram aos estilistas o aumento para 20% na participação de modelos negros nos desfiles. A cota, hoje, é de 10%.

Em seu site, a ONG classifica como inaceitável a preponderância por modelos de cor branca, que constituem, segundo os manifestantes, uma “padronização europeia” nos desfiles de moda no Brasil.

A assessoria do evento não divulgou nota sobre a manifestação.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna