Psicólogo dá conselhos para casais terem mais satisfação amorosa

Para o especialista, namorar também se aprende

Para ter um bom relacionamento, é preciso manter o foco
Para ter um bom relacionamento, é preciso manter o foco Foto: Divulgação, stock.xchng

O psicólogo Aílton Amélio da Silva é um otimista quando o assunto é amor. Professor da Universidade de São Paulo (USP), ele é responsável por uma disciplina, no mínimo, curiosa: relacionamento amoroso. As aulas com Ailton – que analisam pesquisas sobre temas como paquera e escolha de parceiros – estão entre as mais procuradas do departamento de Psicologia. Também, pudera. Quem nunca precisou de uma forcinha nas questões afetivas?

– Aprendemos a andar, a escrever, a nadar, a falar inglês… Só que quando se trata de amor e sexo, pensamos que tudo deve acontecer instintivamente. Nada disso. O amor não é racional, mas com a ajuda de algumas perguntas e respostas honestas e a orientação de profissionais que estudam o comportamento humano, podemos aprender a nos relacionar melhor. Saber manter um bom relacionamento é igual a aprender a andar de bicicleta. Na hora que você desvia a atenção do objetivo, você cai – analisa o psicólogo, autor do recém-lançado livro “Relacionamento amoroso: como encontrar sua metade ideal e cuidar dela” (Publifolha).

Confira abaixo trechos da entrevista com Ailton para melhorar a satisfação na sua vida amorosa.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna