Rachaduras nos pés são comuns com tempo seco: saiba como tratar

Andar descalço e fazer massagens estão entre as dicas para aliviar a dor

Procure andar descalça sempre que possível
Procure andar descalça sempre que possível Foto: Stock Photos, Divulgação

Se o verão exige atenção especial com os pés, que ficam expostos em sandálias abertas, no inverno, e especialmente com tempo seco, esse cuidado deve aumentar. Rica em queratina, a pele dessa região é mais espessa e resistente do que a de outras áreas do corpo. Por isso, facilmente a sola fica com calosidades e células mortas. É a época de calcanhares rachados.

Segundo o dermatologista Alessandro Guedes, geralmente as fissuras afetam apenas a epiderme – a primeira camada da pele áspera dos pés. Em alguns casos, porém, elas podem atingir a derme, provocando dor e sangramento.

A recomendação é uma só: hidratar a pele dos pés com cremes específicos, à base de ureia ou lactato de amônia. No dia a dia, a podóloga Tatiany Kermese dá dicas para obter resultados mais eficientes e rápidos:

– Enquanto existir a fissura, evite usar chinelos. Opte por sapatos fechados. A exposição dos pés é uma das causas do ressecamento e das rachaduras. O uso deles também exige cuidados para evitar calosidades, micoses e unha encravada – aconselha.

Saiba mais
Fonte: Alexandre Guedes, dermatologista

:: As rachaduras representam apenas um problema comum de falta de hidratação?
– Não. Com certeza o surgimento de fissuras aumenta com o clima seco, mas pode ter outras causas. Há casos em que as lesões são provocadas por doenças como diabetes, hipertensão, obesidade, doenças cardíacas ou problemas vasculares. Se essas são as razões, nenhum tratamento terá efeito se um médico não acompanhar e tratar as doenças.

:: O uso de lixas é adequado para remover a pele áspera e os calos dos pés?
– Não. A pessoa com calosidades deve procurar um médico. Só assim será possível descobrir se apresenta algum distúrbio – como uma forma errada de pisar, o surgimento de joanetes e outras deformidades ósseas – ou simplesmente está usando um sapato inadequado.

:: A micose pode ser tratada com produtos caseiros?
– Não. A micose é uma contaminação por fungos e necessita de medicamentos específicos. Em casos extremos, há necessidade de uma cirurgia, com extração parcial ou total da unha afetada.

Cuidados básicos

:: Lave e seque muito bem os pés depois do banho para prevenir o surgimento de frieiras.

:: Nunca fique descalço em banheiros públicos.

:: Evite o uso de sapatos apertados.

:: Sapatos devem ser confortáveis durante todo o tempo, então deixe para experimentar no fim do dia, quando os pés já estão mais inchados.

:: Use meias de algodão.

:: Lixe as calosidades pelo menos uma vez por semana. Não corte calos ou calosidades.

:: Não apare as unhas muito rentes e com os cantos em formato arredondado.

:: Use hidratante próprio para os pés diariamente, massageando as áreas com mais calosidades.

:: Se a pele estiver muito seca, passe hidratante e coloque meias para dormir.

:: Deixe a unha sem esmalte pelo menos uma vez por semana para evitar o ataque dos fungos.

:: Se você ficou muito tempo em pé ou caminhou demais, faça uma boa massagem com óleo ou creme apropriado e deite com os pés mais elevados, apoiados sobre um travesseiro ou almofada.

:: Procure andar descalço sempre que possível.

:: Role uma bola de tênis sob os pés para aliviar a dor das arcadas.

:: Caso você esteja com algum problema, consulte um podólogo.

Leia mais
Comente

Hot no Donna