Saiba escolher o modelo certo de escovas e pentes para garantir a saúde do seu tipo de cabelo

Cada cabelo e/ou finalidade exige um formato diferente para melhores resultados

Diversidade de modelos e formatos no mercado pode confundir a consumidora: veja nosso guia
Diversidade de modelos e formatos no mercado pode confundir a consumidora: veja nosso guia Foto: Hairbrusheschina.com/Reprodução

Pentear o cabelo é uma atividade que fazemos no automático. Pouco se sabe, entretanto, o quão importante é esse processo para a saúde de nosso cabelo. Além de manter os fios domados, escovar o cabelo estimula a oxigenação do couro cabeludo. O formato da escova, o material e até a quantidade e a qualidade das cerdas fazem a diferença. Como não trocamos de escova de cabelo a toda hora, sempre fica aquela dúvida: qual é a melhor para a saúde dos meus fios?

A escova é uma ferramenta indispensável para alcançar um resultado final de alto nível, sobretudo quando usada com o calor do secador. Por isso, há mais modelos redondos no mercado, ideais para modelar penteados. Já as chapadas e os pentes são perfeitos para desembaraçar os cabelos.

A escolha errada da escova pode aumentar a queda e a quebra dos fios e tirar a vitalidade do cabelo. É preciso tomar cuidado também com o couro cabeludo, que é muito delicado. Os modelos modernos levam isso em consideração. As cerdas de javali com mistura de fios sintéticos são um exemplo.

– A junção dos materiais dá uma resistência adequada, se fossem só de javali seriam muito vulneráveis e se todas fossem sintéticas ficaria muito rígida – explica a coordenadora de produtos de beleza da Condor, Juçara Lobermayer.

Os lançamentos também estão mais leves. As estruturas são trabalhadas no plástico, na madeira e até em metais superfinos. Mas a tecnologia ultrapassa a leveza do material. Placas de cerâmicas ionizadas, que ficam na base das escovas, prometem acabar com o frizz dos cabelos. A cerâmica retém o calor do secador e alisa melhor.

Um cuidado necessário é a escovação com os fios molhados. O cabelo encharcado fica 30% mais maleável, pois os fios perdem o poder de estiramento.

– Na hora em que vamos escovar, é melhor separar em mechas pequenas e com pouco volume, a largura da mecha não pode ultrapassar o diâmetro da escova – ensina a professora Patrícia Porcino, do curso de Visagismo e Terapia Capilar da Universidade Anhembi Morumbi.

Antes da escolha

A escova de cabelo deve ser adquirida de acordo com o resultado que se deseja alcançar. É preciso prestar atenção no formato, na composição da base, no material das cerdas e na maneira como se penteia o cabelo.

FORMATO

REDONDA: feita para modelar os cabelos.

CHAPADA: desenhada para pentear os cabelos.

VAZADA: ajuda o ar a circular, por isso é boa para pentear cabelos molhados.

PENTE ESPAÇADO: perfeito para desembaraçar cabelos molhados.

PENTE FINO: ideal para espalhar produtos no cabelo.

MATERIAL

CERDAS SINTÉTICAS: perfeitas para cabelos grossos, com alisamento agressivo.

CERDAS DURAS: devem ser usadas em cabelos mais grossos; quem tem fios finos e quebradiços deve evitar esse tipo.

CERDAS MALEÁVEIS: para quem tem fios finos e delicados.

BOLINHAS NAS CERDAS DE PLÁSTICO: existem para proteger o couro cabeludo.

CABELOS

CACHEADOS: pentes com dentes bem separados e longos.

ONDULADOS: escovas redondas para modelar os fios nas pontas.

LISOS: com cerdas delicadas para não quebrar o cabelo e modelos com diâmetro pequeno para fazer menos cachos.

MEGA HAIR: precisa de uma escova específica.

COM FRIZZ: escova com base de cerâmica.

Não deixe a sua escova suja

Assim como as escovas de dente, as escovas de cabelo também ficam velhas. Por isso, devem ser trocadas com regularidade. Escovas sujas e velhas podem deixar o cabelo oleoso e, pior, permitir a proliferação de fungos no couro cabeludo.

:: Retire os cabelos que se acumulam na escova todos os dias.

:: Lave a escova com água e sabão sempre que apresentar um aspecto sujo.

:: Mergulhe-a por meia hora semanalmente em uma mistura de 1 colher de água sanitária para 1 litro de água potável.

:: Seque as escovas de madeira ao sol.

:: Troque a escova sempre que as cerdas estiverem tortas ou que as bolinhas das cerdas de plástico tenham caído.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna