Um guia de beleza em busca das pernas perfeitas

Implante de silicone nas panturrilhas e depilação definitiva estão entre os recursos mais buscados por mulheres

Manter as pernas bronzeadas e sem pelos é um dos objetivos da mulherada não só no verão
Manter as pernas bronzeadas e sem pelos é um dos objetivos da mulherada não só no verão Foto: LongLegs, Divulgação

Compartilhar

Quem evitou a verdade dos fatos (leia-se o espelho e a balança durante todo o ano) tem agora pouco tempo para exibir a silhueta desejada na beira da praia e dentro de shortinhos e minissaias duas grandes tendências da temporada. Além da tradicional malhação que todas as mulheres conhecem de cor, existem tratamentos cada vez mais promissores para manchas, varizes e eliminação de gorduras.

Para se ter uma ideia da preocupação das mulheres em ter pernas bonitas, basta dizer que, no ano passado, o implante de silicone nas panturrilhas ficou em quarto lugar entre os mais procurados nos consultórios, segundo o Ibope. Nas clínicas de estética, elas vão em busca dos aparelhos que eliminam pelos e promovem o fim da flacidez e da gordura localizada.

Dian Hanson, autora do livro The Big Book of Legs (O Grande Livro das Pernas, em tradução livre), sustenta que as pernas representam o poder feminino, pois “manifestam a liberdade da mulher”. Nada mal se todo esse poder e liberdade ganhar a forma de pernas perfeitas e bem torneadas.

Que o silicone é um sucesso nas clínicas de cirurgia plástica não é novidade. Porém, ele não necessariamente precisa ter a finalidade de turbinar decotes e preencher calças jeans em nome da preferência nacional pelo bumbum.

? As pernas são parte importante da silhueta. Quando a pele é flácida e falta volume, os resultados com o implante na panturrilha são geralmente muito bons ? diz o cirurgião plástico Fausto Bermeo.

Antigamente, o implante de silicone nas pernas era indicado em casos de atrofia muscular, como a causada pela poliomielite, para harmonizar o visual. Hoje, virou opção também para as mulheres que não conseguem tornear as pernas apenas com exercícios físicos.

Além do implante na panturrilha, as coxas também podem receber um trato. Nesse caso, a cicatriz é discreta: na dobrinha entre o bumbum e o início da coxa.

Se a opção é pelo silicone na panturrilha, o corte, de 3 a 5 milímetros, é feito na parte de trás do joelho. Segundo o cirurgião plástico José Carlos Daher, os dois procedimentos são considerados tranquilos. Em uma semana, dá para voltar a ter uma vida quase normal, mas sol e atividades físicas só estão liberados depois de 30 dias.

? É uma cirurgia relativamente tranquila, com incisões pequenas e de volume menor. Mas o médico precisa saber avaliar a necessidade e o resultado possível. É mais ou menos como entrar nos sonhos dos pacientes e dizer se o que ele procura será ou não alcançado ? pondera.

Pelos não combinam nada com verão. Manchinhas e irritações também não. Alguns cuidados simples antes e depois da depilação podem ajudar a evitar esse tipo de incoveniente. Segundo a dermatologista Doris Hexsel, mulheres que vivem às voltas com pelos encravados podem optar pela depilação a laser porque ela reduz a quantidade de pelos de forma rápida e eficaz e, sem pelos, não há encravamento.

Em uma única sessão você pode ver diminuir até 25% a quantidade de pelos. Mas atenção: mulheres bronzeadas, mesmo que artificialmente, não devem optar por essa solução, por causa de possíveis manchas. Além disso, o tratamento completo pode durar até seis sessões, com espaçamento de um mês entre cada uma delas. É preciso ficar longe do sol por pelo menos 20 dias depois da depilação.

Se você é adepta da cera, é bom saber que ela pode causar traumatismos e queimaduras, como explica Doris Hexsel.

? Essas complicações podem levar a um processo inflamatório e resultar em manchas. Por isso, é importante usar filtro solar depois da depilação ? recomenda.

Esfoliar e hidratar a pele antes da depilação ajudam a manter longe pelos encravados e lesões cutâneas, de acordo com a terapeuta corporal Lorice Miguel. Depois de remover os pelos, no entanto, dê um tempo na hidratação.

? O ideal é usar apenas um gel calmante, que não entope os poros e evita, assim, pequenas inflamações. Dois dias depois, o hidratante está liberado ? ensina Doris.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna