“Vou entrar para a história da ‘Playboy'”, diz Antônia Fontenelle após fechar contrato com a revista

A atriz afirmou que quer mostrar a revista aos netos e dizer: "Olha, sua avó aos 40 anos era a gostosinha"

Antônia Fontenelle será capa da 'Playboy' de julho
Antônia Fontenelle será capa da 'Playboy' de julho Foto: André Muzell

Depois de confirmar que fechou contrato para ser a capa de julho da Playboy, Antônia Fontenelle conversou com o colunista Leo Dias, do jornal O dia, e contou os motivos que a fizeram aceitar a proposta. Segundo a atriz, que é viúva de Marcos Paulo, essa é uma história antiga.

? É pelo ego também, mas essa história é antiga. O Marcos sempre me apoiou. Eu sabia que, se posasse, ia sair mesmo como a mulher dele, sabia que as pessoas iam falar isso. Me orgulho de ser sempre a viúva do Marcos Paulo e não quero fugir dessa passagem importante da minha vida. Graças a ele, muitas pessoas passaram a dar atenção ao meu trabalho.

Prestes a receber 60% da fortuna do marido, calculada em cerca de R$ 30 milhões, Antônia contou que o valor do cachê também foi decisivo na hora de aceitar a proposta da publicação masculina. Além disso, ela quer comemorar seus 40 anos e mostrar a que veio para as pessoas que achavam que ela só existia porque o marido existia.

? Quero chegar aos 60 anos mostrando a revista aos meus netos dizendo: “Olha, sua avó aos 40 anos era a gostosinha” ? alfinetou a atriz.

Ainda ao colunista, Antônia revelou que escolheu o fotógrafo J.R.Duran para cuidar dos clicks do seu ensaio nu.

? Disse a ele que quero ficar na história da Playboy. Ele disse que essas coisas acontecem na hora, que vão surgir vários momentos incríveis durante o ensaio e que depois ficaremos na dúvida sobre quais fotos escolher ? contou a atriz ao reforçar que aceitou fazer as fotos para entrar na história da revista “como as grandes entraram”.

As últimas do Donna
Comente

Hot no Donna