Por trás do figurino de Renata Vasconcellos

renata-vasconcellos-63702

Pelo visto não sou só eu a festejar a presença de Renata Vasconcellos na bancada do Jornal Nacional. Há muuuuito, desde que vi Renata na bancada da Globonews, há mais de 10 anos, já dizia que ela era a melhor apresentadora que havia conhecido – sem falar na beleza e na classe, que dispensa qualquer um dos adjetivos que possa encontrar para descrevê-la. O maior telejornal da Globo merecia uma apresentadora à altura.

RENATA1A LINDA E TALENTOSA RENATA

Pois leio agora que o público concorda comigo e aceitou muito bem a saída de Patrícia Poeta e a chegada de Renata Vasconcellos no JN: a audiência do noticiário cresceu cerca de 12% em São Paulo. O jornalístico registrou em outubro 22,6 pontos. Em novembro, até o dia 22, a média do JN ficou na casa dos 25,3 pontos. Cada ponto equivale a 65 mil domicílios e 193

:Brincos, perfume e incompreensão

Sempre amei observar os figurinos da Renata porque sempre tive certeza que havia um dedo de quem entende de moda neles – e não estava enganada. A irmã gêmea da apresentadora (elas são idênticas), Lanza Mazza, é diretora-criativa da grife Cantão e confessou que não consegue se conter e acaba opinando nos figurinos que Renata usa para aparecer na TV. “Sabe como é família, né?”.

mulher-com-vergonhaSEI MUITO BEM, LANZA

Segundo li na coluna Outro Canal, da jornalista Keila Jimenez, a Globo quer figurinos sóbrios para Renata na bancada do Jornal Nacional porque deseja evitar que a apresentadora, que tem uma beleza sofisticada, chame atenção demais.

renata-vasconcellos-estreia-no-jornal-nacional-1415051027280_615x300DIFÍCIL, MUITO DIFÍCIL…
Nem de pretinho básico Renata deixa de chamar a atenção

A ideia é aproximar a nova âncora do principal jornalístico da casa das telespectadoras e donas de casa. Renata estreou ao lado de William Bonner na segunda-feira, 3 de novembro, com audiência em alta. Nas redes sociais, a nova âncora do JN vem sendo muito elogiada e já tem até fãs-clubes formados.

Meu esporte preferido ao chegar em casa, nos últimos dias, tem sido apreciar a roupa de Renata na bancada do JN. Impecável. Sempre.

Olha!

renata-vasconcellosMeio fora de foco, mas dá pra perceber aqui a sobriedade do figurino. Não é todo mundo que fica bem com a gola ajustada no pescoço, mas não é todo mundo que é Renata. Adorei as sutis ombreiras, que contribuem para a postura da jornalista na bancada

preview_html_22cf24b8Uma blusa nada que é tudo: marinho é trés chic e de novo o detalhe das ombreiras e o corte impecável da roupa fazem a diferença

Renata no Jornal NacionalUma camisa tem que ter um corte perfeito por trás, do contrário, a chance da gola entortar, sobretudo em camisas de seda, é enorme. Fora a aparência amarrotada que, não raro, a gente assiste em apresentadoras. Nenhum desses casos é o caso de Renata, claro!

renata-vasconcellos-jornal-nacional-0001Um dos figurinos mais lindos que ela já usou, na minha opinião. Não se se é porque estava acostumada a ver Renata sempre de tons mais escuros. Dia desses, quando cheguei em casa e vi ela de blazer azul pastel deu uma vontade louca de comprar um igual

REOutro blazer que achei lindíssimo e maravilhosamente bem cortado que ela usou esta semana, se não me engano. O contraste do grafite com a blusa branca por baixo dá esse ar sóbrio que a emissora quer

Olheira atenta do estilo e das roupas da Renata, se me perguntassem em qual categoria ela se enquadra, eu diria de bate-pronto: clássica. Calça de alfaiataria, camisas básicas porém elegantes, acho que ela está sempre na medida certa, sem exagero – também nos acessórios.

estilorenatavasconcellosjn01Exemplo clássico do que me referia: calça preta de alfaiataria, camisa branca e acessório sem mirabolâncias. Na medida

estilorenatavasconcellosjn03Olha a dupla camisa branca e calça de alfaiataria preta de novo. Essa, aliás, é uma dupla que não tem erro: jantares, coquetéis, festas de aniversário… Camisa branca bem cortada e uma bela calça preta de alfaiataria podem ser escaladas sem medo. Nos pés, basta um scarpin preto; na mão, uma clutch e um pequeno brinco. Nesta sexta de BlackFriday, são bons investimentos. Fica a dica!

estilorenatavasconcellosjn06Dá para substituir a calça de alfaiataria pela saia lápis, como ela fez aqui. O estilo não perde em nada, apenas fica mais feminino. Neste caso, concordo com a Renata: trocaria o scarpin preto pelo nude, pois contribui para alongar as pernas

E daí, foi nessas de ficar observando tudo o que a Renata Vasconcellos veste e faz que me dei conta de uma coisa: o marido costuma carregar a bolsa dela.

Olha!

stilorenatavasconcellosjn08Renata de novo de calça preta e blusa branca. Agora com bolsa vermelha (nos ombros do marido). Achei que ele seria um gentleman perfeito se tirasse o chinelo… Nada contra chinelo, sobretudo no Rio de Janeiro, mas achei que saltou aos olhos como algo meio fora de lugar

renata-vasconcellos--miguel-athaydeOlha o marido de novo segurando a bolsa da amada. E olha a amada que descolada e cool de tênis e saia jeans!

irmasE olha ela com a irmã gêmea no aeroporto! Renata de espadrille; Lanza de tênis. Ando louca por uma espadrille preta!

bento1TU NÃO ACHA QUE CHEGA?

Chega do quê?

bento1DE FICAR PERSEGUINDO A COITADA!

Seis receitas místicas para atrair sorte na virada do ano

crocante-ragu-cogumelo

Sim, eu sou supersticiosa. Sim, eu só saio pela mesma porta que entrei. Sim, eu como lentilha na virada do ano e sete uvas também. Sim, meu crachá é um santuário de pingentes e imagens de proteção.

Olha!

crachaXÔ, COISA RUIM!

Não, eu não vou ficar enumerando todas as minhas manias e superstições – porque um pouco de privacidade é bom e eu gosto. O momento é de falar de receitas místicas para atrair sorte na virada do ano. A terapeuta holística e numeróloga Vivien Bonicelli mapeou alguns ingredientes que ajudam a atrair energias positivas para 2015.  Não preciso dizer que acredito em tudo.

Por acreditar em tudo, quero dividir minha crença com quem passa o ano todo aqui aguentando minhas neuras e bobagens (e informações relevantes também, confessem!). É por isso que venho por meio desta apresentar as seis opções de receitas para usar e abusar desses itens selecionados, especialmente nas ceias de Natal e Ano Novo. Segundo Vivien, os ingredientes e a mistura deles trazem paz, harmonia, sorte, saúde e amor.

desenho-apresentador-de-circoSENHORAS E SENHORES!

httpwpclicrbscombrporaifiles201307tamborpngBAM BAM BAM

desenho-apresentador-de-circoRECEITAS PARA ATRAIR ENERGIAS POSITIVAS EM 2015

palmas-1CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP

httpwpclicrbscombrporaifiles201306macumba-na-ruagifUHU UHU ANHÃÃ UHU

Mas o que é isso?

bento1ACHO QUE É MACUMBA

Mas quem deixou essa louca entrar aqui no blog?

bento1EU NÃO FUI

 Olha, Bento, na boa. Tudo bem que tu não queira trabalhar, que tu jogue aberto sobre isso e não deposite em mim qualquer expectativa de mudança para 2015. Mas daí a deixar uma macumbeira invadir o blog justamente quando estamos falando sobre receitas para energias positivas para o próximo ano já acho um pouco demais.

bento1JÁ DISSE QUE NÃO FUI EU

Mas tu é o xerife desse blog! Se eu não puder confiar em ti, vou confiar em quem? Eu te peço que apenas fique de olho em uma única porta e nem dessa porta tu consegue dar conta! Agora tem uma macumbeira com uma garrafa de canha se refestelando no blog e eu vou fazer o que para tirar?

bento1DEIXA COMIGO

Bom, vou seguir com as receitas para as ceias de Natal e Ano Novo que prometem trazer boas energias. No final do post, a gente volta a falar para saber qual foi a solução que tu encontrou para a macumbeira. Senhoras e senhores, a primeira receita! PS: elas são um pouco grandes, com muitos ingredientes, e por isso parecem complexas. Mas não são. Fora que sempre dá pra pedir aquela mãozinha pra Rosa existente na vida de cada uma de nós (ou na vida de nossas mães, vai dizer?). Até porque em, tratando-se de ceias de fim de ano, toda a família tem que pegar junto. As imagens são ilustrativas, busquei tendo mais ou menos ingredientes semelhantes aos das receitas.

Vamos a elas?
Olha!

cuscuzCUSCUZ AROMÁTICO VEGETARIANO

Ingredientes
1 xícara de cuscuz
2 colheres de sopa de azeite
1 cebola média cortada em cubos pequenos
4 dentes de alho picado
1 colher de sopa de tempero “Ras El Hanout” (um tempero árabe)
1 colher de chá de coentro em pó
1 colher de chá de cominho
1/2 xícara de suco de laranja
1/4 xícara de suco de tangerina
1 xícara de caldo de galinha
2 colheres de sopa de damascos picados e secos
1/4 xícara de cranberry seco
1/2 colher de chá de sal do Himalaia (cor de rosa e 100% natural, encontrado em lojas de produtos naturais)
1 pitada de pimenta do reino moída na hora
3 colheres de sopa de manteiga ghee (lê-se “gui”, ela não contém lactose)
1/4 xícara de lascas de amêndoas, sem pele, laminadas e tostadas, previamente
Suco de 1 limão siciliano
Raspas de 1 limão siciliano
Alguns ramos de hortelã fresca picada
Aspargos verdes previamente cozidos, cortados em lascas diagonais.

Antes de iniciar a receita
Amasse bem, num pilão – item culinário feito de madeira, usado para triturar alimentos -, pequenas quantidades de coentro, páprica doce, cúrcuma, sal cor de rosa, páprica picante, feno-grego, erva-doce, canela, cravo, gengibre e cardamomo preto. Depois, você deve saltear numa frigideira, em fogo baixo, com movimentos constantes para liberar os aromas. Adicione o suco de tangerina e deixar ferver por 2 minutos.

Modo de preparo
Em uma panela, em fogo médio, cozinhe a cebola e o alho até ficarem transparentes. Adicione os temperos, sal rosa e pimenta, cozinhando por 2 minutos. Misture o suco de laranja e o caldo de galinha, bem como o cranberry e os damascos secos. Continue a cozinhar em fogo médio, por mais 2 ou 3 minutos. Misture o suco e as raspas de limão e, finalmente, adicione a manteiga e leve ao fogo. Misture o cuscuz. Tampe e deixe descansar por 5 minutos. Uma vez terminado, “afofe” com o garfo. Misture por cima a hortelã fresca picada e as amêndoas tostadas. Está pronto para servir.

salada-de-folhas-e-frutasSALADA REFRESCANTE AGRIDOCE DE FOLHAS, ERVAS FRESCAS, SEMENTES E FRUTAS SALTEADAS

Ingredientes
Radicchio (folhas vermelhas e brancas, é da família das chicórias)
Endívias (um tipo de vegetal)
Alface americana
Rúcula
Hortelã
Espinafre
Sálvia
Manjericão
Baby alface
Blueberry seco
Castanhas de caju
Abobrinhas
Tomates
Casca de limão
Manga
Pêra
Melão
Morango
Abacaxi

Modo de preparo
Pique grosseiramente o radicchio, as endívias, a alface americana, rúcula, hortelã, espinafre, sálvia, manjericão e baby alface. Misture castanhas de caju picadas, blueberry seco, abobrinhas bem picadinhas (cozidas previamente no vapor) e tomates cerejas cortados ao meio. Regue com azeite aromatizado e casca de limão. Reserve. Em seguida, corte cubos de manga, pêra, melão, morango e abacaxi.

Faça um caramelo com açúcar orgânico, cravo, canela, gengibre em lâminas, anis e noz-moscada. Coloque as frutas. Salteie movimentando a panela com cuidado por 2 minutos. Adicione o molho à salada. Tempere com 1/2 xícara de mango chutney (acompanhamento para carnes e aves) diluído em um pouquinho de água de flor de laranjeira. Envolva delicadamente e polvilhe por cima castanhas de caju picadas, decorando com sementes de romã ligeiramente espremidas. Sirva a seguir.

polentina grigliata con funghi trifolati-1POLENTA BRANCA COM TRUFAS, TRIO DE COGUMELOS E QUEIJO TALLEGIO

Ingredientes
Cogumelos secos
Flor de sal
Pimenta do reino
Óleo de trufas
Cogumelos frescos
Cogumelos shimeji
Manteiga clarificada (ghee)
Vinho branco seco
Ervas de provençe (originárias da região francesa de Provença, e estão incluídos tomilho, alecrim, segurelha, óregãos e alfazema)
Sal marinho (obtido a partir da evaporação da água do mar)
Queijo taleggio (tipo de queijo italiano)

Modo de preparo
Coloque os cogumelos secos de molho por 2 horas em água filtrada fria. Depois cozinhe-os por 15 minutos, deixando ferver por mais 5 minutos, sempre em fogo mínimo. Pique-os e reserve-os. Faça uma polenta branca mole utilizando a água em que cozinhou os cogumelos secos. Tempere-a com flor de sal (muito encontrada em mercearias), pimenta do reino e um pouco de óleo de trufas.

Corte cogumelos frescos e shimeji em fatias. Esquente bem a manteiga clarificada e despeje todos os cogumelos. Tempere com vinho branco seco, ervas de provençe e sal marinho. Numa tigela faça camadas de polenta, sauteé de cogumelos e queijo taleggio até terminar. Leve ao forno para garantir e sirva imediatamente.

KedgereeKEDGEREE
(Arroz cremoso ao Haddock perfumado com açafrão)

Ingredientes
300 g de arroz basmati (aromático e de grão longo, geralmente ele é usado na culinária indiana)
50g de manteiga
3 ovos cozidos, descascados e cortados ao meio
200 ml de creme de leite fresco
500g de haddock – peixe da família do bacalhau, defumado naturalmente e com pele removida
100 ml de vinho branco
1 colher de chá de pimenta caiena
Alguns pistilos de açafrão
1 colher de sopa de curry suave em pó
Noz-moscada ralada na hora
1 pequeno punhado de salsinha picada
1 limão

Modo de preparo
Cozinhe o arroz basmati ao dente e deixe esfriar. Aqueça o forno a 160 graus. Unte um pirex grande com manteiga. Passe as gemas por uma peneira e pique as claras em pequenos pedacinhos. Aqueça suavemente o creme em uma frigideira até um pouco abaixo do ponto de ebulição e, em seguida, adicione o peixe. Cubra e cozinhe por 4 minutos.

Coloque o vinho em uma panela com o açafrão e deixe esquentar para dissolver. Em uma tigela grande, misture o arroz, pimenta de caiena , curry em pó , noz-moscada, tempero, claras picadas e o vinho com a infusão de açafrão.

Retire e coloque o peixe em lascas numa tigela, mas retire espinhas se encontrar. Coloque, de novo, no creme e misture delicadamente mais uma vez. Coloque tudo num refratário bem untado com manteiga, e polvilhe com pequenas pitadas de manteiga por cima. Asse até aquecer bem por 20 minutos. Sirva polvilhando a salsa e as gemas peneiradas, com as fatias de limão ao lado, para decorar o prato.

fancy-stollen-december-1stSTOLLEN
(pão alemão considerado uma iguaria no Natal)

Ingredientes
Fermento fresco
Leite bem morno
Trigo
Açúcar
Ovos
Manteiga sem sal
Canela em pó
Cravo moído
Passas brancas
Passas escuras
Nozes picados
Frutas cristalizadas picadinhas
Mel
Trigo

Modo de preparo
Noite anterior: fazer um fermento com 150 gs de fermento fresco diluído em 2 copos de leite bem morno, 150 gs de trigo, 200 gs de açúcar, 3 gemas, 150 gs de banha e 200 gs de manteiga sem sal. Mexa e cubra.

No dia seguinte: acrescente 2 ovos, 50 gs de canela em pó, 10 gs de cravo moído, 200 gs de passas brancas, 200 gs de passas escuras, 100 gs de nozes picados, 200 gs frutas cristalizadas picadinhas, 2 colheres (sopa) de mel e trigo. Até dar ponto.

Deixe a massa descansar por 40 minutos. Amasse um pouco, modele os pães. Coloque-os numa assadeira untada e polvilhada, e deixe crescer por 1 hora cobertos. Pincele com gema diluída em água. Depois, asse em forno a 200 graus até corar. Quando estiver no ponto, retire do forno, deixe esfriar e polvilhe com açúcar de confeiteiro.

Terrine de legumes grelhados - QuintanaTERRINE DE PISTACHE, TOMATES ASSADOS, QUEIJO PROVOLONE, PESTO E CREAM CHEESE COM ERVAS E PASSAS

Ingredientes
2 potinhos de cream cheese misturado c/ 1 kg requeijão
100 g pistache picadinho
100 g passas brancas
2 colheres de sopa salsa picadinha
2 colheres sopa de molho pesto
Fatias de provolone para a montagem
5 tomates secos cortados em tirinhas

Modo de preparo
Misture os 5 primeiros ingredientes até que fique uma massa homogênea. Forre uma forma de bolo inglês (retangular) com papel laminado e por cima use fatias de provolone. Em seguida monte a terrine por cima do laminado e do provolone.

Coloque uma camada de creme de queijo, depois uma camada de tomate seco, outra de provolone, queijo, e assim por diante. Faça isso até terminar com fatias de provolone. Feche a forma com o papel laminado e leve ao freezer por pelo menos 2 dias.

bento1TUDO RESOLVIDO COM A MACUMBEIRA

Sério? Este é meu cachorro!

bento1FOI BEM FÁCIL

Eita, Lhasa Apso dos bons esse! Xerife de todos os xerifes. O que tu fez para ela ir embora tão facilmente?

bento1FALEI PRA ELA VOLTAR PRA CEIA DE NATAL

Os 10 hostels mais hipsters do mundo. Vamos?

soul-kitchen-junior-hostel

Daqui um mês, exatamente no dia 25 de dezembro, estarei desfrutando de merecidas férias no balneário uruguaio de Punta del Este. Não, não estarei sozinha. A família inteira me fará companhia, como de costume. Sim, vamos conviver, vamos rir, vamos bater boca, vamos rir da bateção de boca, aquela coisa família, sabe assim? Se não fosse assim, não seria família.

bento1EU VOU?

Alguma vez tu ficou?

bento1NÃO

Então, não me faz pergunta burra. Tu não só vai como promete desde já ficar quietinho no carrinho do Free Shop para que eu possa encontrar meu shampoo seco da Bed Head, meus vinhos brancos e tintos y otras cositas más. Do contrário, vai ter que esperar no carro.

bento1PROMETO ME COMPORTAR

Enquanto não inventamos férias mais criativas que não ir para Punta todo final de ano (não que eu não goste, eu adoro, mas há um mundo para ser descoberto, se é que me entendem….), viajo sentada na cadeira pelos 10 hostels mais hipsters do mundo.

mulher-perguntando-bracos-abertos1O QUE É HIPSTER, MARIANA?

Vou recorrer a Wikipedia para ser o mais didática possível: “A cultura hipster é marcada pela música independente, saudosismo recorrente, uma variada sensibilidade para a tendência non-mainstream (não comum, não recorrente) e estilos de vida alternativos. Os interesses referentes à mídia por esse grupo incluem filmes independentes, revistas e websites notadamente relacionados à música alternativa”.

Das tantas subculturas e termos usados para definir movimentos e comportamentos urbanos dos dias de hoje, a cultura hipster é das mais populares e presentes em todos os grandes centros mundo afora. Se os mercados da moda e da música fervilham com novidades de consumo, também a indústria da hospedagem não deixa o fenômeno passar em branco.

Os hostels (ou albergues) – já conhecidos por suas atmosfera e clientela diferenciadas – investem na proposta e esbanjam personalidade com ambientes cheios de charme. Móveis retrô, objetos vintage e design inovador sem esquecer da tecnologia compõem espaços únicos para se hospedar, e sem ter que pagar mais por isso.

E foi assim que o Hostelworld, o site especializado em hostels, montou uma lista com 10 propriedades que se encaixam nesta proposta. A maioria tem entre 80% e 90% de avaliação de clientes que já passaram por lá, o que comprova a qualidade e popularidade do estilo hipster.

Vamos sonhar?

Dictionary-Hostel-Factory-Curtains-1024x685THE DICTIONARY SHOREDITCH (Londres, Inglaterra)
A cultura hipster está “em casa” na capital inglesa, e o bairro de Shoreditch, no leste londrino, é um de seus exemplos mais expressivos. São incontáveis os pop-up restaurantes, as galerias, os cafés e lojas alternativas, além dos tipos característicos (barbas longas, jeans skinny e tattoos aos montes) desfilando pelas ruas. E bem no centro de tudo, está o hostel The Dictionary, que abraça integralmente a cultura hipster, com seu misto de paredes de madeira aparente e objetos de cor forte, os grafites e quadros com figuras/mensagens excêntricas, e seu bar/cafeteria com todo tipo de bolos e coquetéis. Diárias a partir de €22 / R$ 71.

WE-hostel-in-Sao-Paulo-par-felipe-Hess-15WE HOSTEL DESIGN (São Paulo, Brasil)
Um dos hostels mais bem conceituados de São Paulo e do Brasil (91% de nota no Hostelworld), o WE abusa de ambientes amplos e com decoração vintage, de cores fortes e muitos objetos de design (vitrola, abajur, pufe, até uma lousa no teto!). A mansão do início do século passado fica numa rua tranquila da Vila Mariana (praticamente ao lado do MAC e do Parque do Ibirapuera), mas perto de vários bares da moda. Adicione ao menu várias festinhas cool (karaokê, noite do burger, DJs) e o ambiente está completo. Diárias a partir de R$ 50.

the-independente-hostel-suites-lisbon-002-35230THE INDEPENDENTE HOSTEL & SUITES (Lisboa, Portugal)
O terraço com vista para o Mirador de São Pedro e o Castelo de São Jorge é um dos destaques do The Independente, hostel de luxo em Lisboa, situado em uma uma avenida cheia de restaurantes e pertinho do badalado Bairro Alto. O prédio que um dia foi residência do embaixador suiço na capital lusa, é ornado por pôsteres antigos, louça e mobiliário vintage e um misto de objetos modernos e retrô, que tanto encantam os hipsters. Para completar, um lounge e beer garden para botar o papo em dia, e um restaurante (aberto ao público). Diárias a partir de €13 / R$ 42.

LAVENDERLAVENDER CIRCUS HOSTEL (Budapeste, Hungria)
Todo o Lavender Circus Hostel parece ter saído direto do Instagram, com direito a todos os filtros vintage disponíveis. A decoração é uma mistura de estilos de fazer até o mais exigente dos hipsters entrar em êxtase. O prédio histórico no coração de Budapeste é coberto de mobiliário retrô, objetos de antiquário e detalhes artísticos por toda parte, com direito a uma taça de vinho húngaro de boas-vindas e jantares típicos toda semana. Diárias a partir de €16 / R$ 52.

about-photo1NUI HOSTEL & BAR LOUNGE (Tóquio, Japão)
O mais hypado dos hostels em Tóquio, é o ponto de encontro dos hipsters locais, graças ao seu bar/lounge super badalado, especialmente à noite. Com ótima localização (perto dos templos de Asakusa e da torre Sky Tree), o Nui Hostel abusa da mistura do rústico e do moderno em seu design (madeira, tubulação aparente, cores fortes) e prima pela limpeza em seus dormitórios (compartilhados ou privativos). Diárias a partir de €20 / R$ 65.

kexKEX HOSTEL (Reykjavík, Islândia)
Na capital islandesa, o KEX Hostel é o representante oficial da cultura hipster. A ver pelo rol de “atrações”: um bar movimentado com preços decentes (e cervejas de torneira!), móveis rústicos, mapas gigantes nas paredes, cozinhas (uma por andar) repletas de temperos e ingredientes diferentes, e uma infinidade de livros na biblioteca comunitária. Assim, como competir com o combo localização megacentral (com vista para o oceano) + interiores com decoração criativa? Diárias a partir de €20 / R$ 65.

generator-veniceGENERATOR VENICE (Veneza, Itália)
A conhecida rede de hostels Generator caprichou na sua filial em Veneza. A decoração é elegante, beirando o chique, mas com um ambiente descontraído e multicultural. Não faltam uns toques modernosos também, como elevadores touchscreen e luzes autocontroladas. Fica na ilha de Giudecca (do outro lado da Piazza San Marco), com ponto do vaporetto bem do lado do hostel. Destaque para o badalado pub instalado no andar térreo, onde há sempre gente nova para conhecer. Diárias a partir de €24 / R$ 78.

pajamasTHE CAT’S PAJAMAS HOSTEL (Berlim, Alemanha)
No espaçoso lounge, toras de madeira fazem a vez dos banquinhos, constrastando com as luminárias futuristas e as cadeiras de balanço de outrora. Nos corredores, desenhos e grafites estampam as paredes dos corredores entre os quartos e banheiros (estes com chão aquecido para encarar o frio do inverno alemão). Assim é a mistura de estilos e a aura hipster que faz do Cat´s Pajamas um hit entre os hostels de Berlim. Diárias a partir de €15 / R$ 49.

gostijo_589pxCITY CIRCUS ATHENS (Atenas, Grécia)
O prédio neo-clássico do City Circus de Atenas foi todo reformado e esbanja personalidade. O mobiliário retrô, as peças de artistas locais nas paredes e os móveis em madeira (incluindo as camas) criam um clima aconchegante e descolado. Completam o pacote: um terraço com vista para a famosa Acrópole, ar condicionado nos 11 quartos e um café da manhã com cara de hotel. Tudo isso no meio do (muito) boêmio bairro de Psirri, que concentra a mais badalada vida noturna de Atenas. Diárias a partir de €18 / R$ 58.

SOULSOUL KITCHEN (São Petersburgo, Rússia)
Frequentemente presente em listas dos melhores do mundo (não à toa que tem quase nota máxima na avaliação dos clientes Hostelworld), o Soul Kitchen é realmente um achado – para hipsters, não hipsters, fãs de hostels ou não. A riqueza está nos detalhes: dos enfeites da mesa do lounge, aos pufes coloridos, ao violão no canto para uso dos hóspedes, aos espelhinhos, à bancada de azulejos na cozinha comunitária, às cortinas quadriculadas que dão privacidade aos beliches nos dormitórios, aos computadores Mac para uso coletivo… Quem resiste? Diárias a partir de €12 / R$ 39.

bento1PRA QUAL A GENTE VAI?

enxaqueca9ALGUÉM RECOLHE O ANIMAL?

Todos os sinais levam a uma brigaderia muito especial

DSC0053

Sexta-feira passada, fiz mais um dos meus exames de rotina, realizados a cada seis meses. Este chama-se Dermatoscopia Digital e trata-se de uma microscopia de superfície, que permite avaliar pintas no corpo com uma lente que aumenta de 20 a 70 vezes o tamanho dos sinais.

Desde que um melanoma me pegou absolutamente de surpresa, em fevereiro de 2013, me vi obrigada a inserir exames periódicos na minha vida, que vão de exames de imagem a exames de sangue Na dermatoscopia digital, graças à ampliação de cada sinal, é possível visualizar a estrutura da pinta. A partir disso, o médico pode definir que tipo de tratamento será realizado.

Nesta minha última consulta, ao comparar todas as pintas de seis meses atrás com o estado em que se encontram hoje, a médica chegou à conclusão que uma delas, nas costas, está ativa demais, mudando de forma e de tamanho, e é preciso que seja removida.

mulher-doidissima1SERÁ MINHA DÉCIMA SEGUNDA CICATRIZ

É a dermatoscopia digital que define, entre todas as pintas, quais correm o risco de se tornarem um câncer – e se devem ser extraídas ou apenas acompanhadas com o passar dos anos. Costumo falar bastante sobre isso porque acho importante essa conscientização, sobretudo agora que o verão está chegando – e o sol vem com tudo. Na minha opinião, os meios de comunicação em geral não dão a devida importância à gravidade do diagnóstico do melanoma cutâneo, uma vez que é o câncer que mata mais rápido quando não diagnosticado a tempo.

A vantagem (se é que se pode falar em “vantagem”) de um melanoma em relação a tumores em outros orgãos internos é que ele é visível – se formos minimamente observadores do nosso corpo, conseguimos perceber no início algum sinalzinho que aumentou de tamanho, ou que coçou, ou que não existia e simplesmente apareceu do nada. A partir daí buscar a ajuda médica necessária para removê-lo é imperativo.

:UM ANO DEPOIS DO 31 DE JANEIRO

As pintas são genéticas, mas a sua transformação em um câncer está bastante relacionada com a exposição à radiação solar ultravioleta – que é cumulativa – durante toda a vida. Como o verão está batendo na nossa porta, acho muito importante fazer este alerta. Setenta por cento dos melanomas nascem em áreas do corpo com muita exposição ao sol, e 30% provém de pintas já existentes. Muitas pessoas encontram uma pinta no corpo e não se preocupam, acham que é apenas um sinal sem importância. E se não for?

Embora o câncer de pele seja o mais frequente no Brasil e no mundo e corresponda a 25% de todos os tumores malignos registrados no país, o melanoma representa apenas 4% deste tipo de câncer. Apesar disto, é o mais grave, devido a sua alta possibilidade de metástase. Daí o porquê de matar tão rapidamente caso não seja feito o diagnóstico precoce.

03mulher-nova-gritando-feliz-thumb89432486TODO MUNDO DE OLHO NAS SUAS PINTAS E NO SOL, OK?

Ótimo, então. Me sinto no dever de fazer minha parte e alertar. Pois bem, na sexta-feira passada, ao sair da dermatoscopia digital ali na CliniOnco, na Rua Dona Laura, caminhava em direção ao Brig’s para comprar uma caixa de brigadeiros para trazer para a redação e topei com o Brig’s fechado.

mulher-assustada-jpeg2UUUPS… E AGORA, PENSEI?

Imediatamente lembrei que havia alguma outra loja especializada em brigadeiros ali pela volta – e foi quando fui apresentada ao mundo maravilhoso da Saint Chocolat Brigadeiro Gourmet.

Olha!

DSC0015NÃO PARECE UMA CASINHA DE BONECA?
É um amor de lugar. Uma casinha pequenininha e azul, que dá a impressão de estarmos entrando em um conto de fadas

BRIGADEIROSentei numa mesinha e esta era a vista que eu tinha da Rua Dona Laura, enquanto esperava meu brigadeiro de chocolate amargo e a encomenda de 50 brigadeiros tradicionais. Por sorte, havia estoque. A funcionária me disse que o melhor é não arriscar e fazer encomenda por telefone. Mas como eu não sabia…. Acabei dando sorte!

10748484_310969065765201_1903833749_nNHAM NHAM!
Meu brigadeiro de chocolate amargo!

BRIGADEIRO8A vitrine tentadora com alguns dos muitos sabores: ao leite, banana, branquinho, cacao, mélange, nibs, noir, tradicional, cereja, laranjinha, limão siciliano, manjericão, maracujá, melão, morango… E por aí vai!

BRIGADEIRO7Quadrinho na parede com a #ficaadica do dia

Foi uma experiência maravilhosa aqueles minutinhos que passei ali. Parecia que havia sido transportada para outro mundo, silencioso e com aroma do melhor chocolate. A funcionária perguntou se eu gostaria de escolher os sabores dos 50 brigadeiros, mas eu optei por comprar os 50 brigadeiros todos de sabor tradicional. Não me arrependi. Apesar de tradicionais, são feitos com chocolate belga, ela disse.

As gurias amaram e a aprovação foi unânime. Como fui a única a provar o amargo e o tradicional, venho por meio desta afirmar que o tradicional é melhor. A funcionária que me atendeu também disse que é o seu favorito. E assim, nesta manhã chuvosa de terça-feira, com um animal azedo de odor e de espírito pelo passeio que ainda não aconteceu por motivos óbvios, me despeço para fazer algo necessário a alguém que descobriu o mundo maravilhoso da Saint Chocolat.

depressed-woman-1CORRER NA ESTEIRA

Você também vai gostar

Um guia para nunca mais perguntar o que vestir

dressing

Tem um frase que li em certa ocasião, acho até que estava tentando me distrair dentro de um maldito avião, que nunca mais esqueci, que já compactuava e que, depois daquele dia, passei a nunca mais deixar de aplicar: “Cabelo preso é sinal de educação e consideração para com a anfitriã da festa”.

Sempre achei mulheres que optam pelo cabelo preso em festas de gala muito mais elegantes do que aquelas que, por mais lindo que seja o cabelo, preferem ir ao evento com ele solto. Separei algumas imagens para ilustrar minha teoria.

Olha!

diane-kruger-stylechi-red-carpet-sag-awards-one-shoulder-gownDIANE KRUGER
Tente fazer o exercício de imaginá-la com o cabelo solto. O brinco lindo com certeza não apareceria – e o cabelo ficaria tumultuando essa parte tão linda do decote que traz uma manga caída e outra sobre o ombro

E agora, olhando esse lindo vestido da Diane Kruger, lembrei de um vestido que eu tenho, que amo de paixão, que usei em um casamento e também na sessão de autógrafos do meu primeiro livro Peregrina de Araque, na Livraria da Travessa, no Rio (escolhi a cor do vestido por ter o tom parecido com o da capa do livro).

Olha!

marianakalil000701-300x199NA MESA DE AUTÓGRAFOS DA TRAVESSA
Que saudade! Acho tão linda esta foto… E a cor do vestido combinando com a capa do livro, que tal? E o meu cabelo preso? Sim, eu já tinha lido aquela frase no maldito avião

E como agora lembrei da minha peregrinação na Travessa, também lembrei de um dos dias mais emblemáticos da minha vida e preciso recordar outra vez.

03-por-ai-mulher-gritando5
A DANUZA LEÃO NA MINHA FILA!

Olha!

mBEST FRIENDS!

Ok, ok. Passou a crise momentânea de egocentrismo. É que realmente foi uma emoção além da conta quando vislumbrei a Danuza Leão na minha sessão de autógrafos. Sobre cabelos presos, vamos continuar com a musa Diane Kruger.

Olha!

Diane-Kruger-In-Giambattista-Valli-Couture-Moonrise-Kingdom-Cannes-Film-Festival-Premiere-Opening-Ceremony
Com outro coque, desta vez mais bailarina. Eu, particularmente, prefiro coques um pouco mais frouxinhos. Mas eu não sou Diane Kruger, que fica bem de qualquer jeito. Aqui, façamos de novo aquela história de fazer o exercício de soltar o cabelo com este modelo de vestido. Muita informação, vai dizer?

met-ball-red-carpet-1603272624
Ok, então vocês dirão que só estou escolhendo modelos de vestidos que combinam com cabelo preso para justificar a escolha pelo cabelo preso. Não é isso. Este exemplo: Diane Kruger de cabelo solto. Tentem fazer o exercício de enxergar ela com um coque ou um rabo de cavalo. Não ficaria muuuito mais chique? Siiiiim!

Quando falo em cabelo solto em noite de festa, lembro logo de Angelina Jolie e da displicência com que muitas vezes ela opta por pisar no tapete vermelho. Eu acho Angelina Jolie uma mulher bonita, mas está muito longe de ser um ícone de beleza para mim. Tenho outras preferências, como a própria Diane Kruger.

Angelina Jolie tem todos os recursos do mundo (cabelo, corpo, boca, olhos, marido) para arrasar em um red carpet. E muitas vezes deixa a desejar pelo que me parece ser uma certa preguiça de se arrumar, sabe assim? Acha que coloca um belo vestido e está pronto. Não é bem assim. É todo um conjunto de coisas – e cabelo tem muuuito a agregar. Tenho exemplos do que estou falando.

Olha!

angelina-jolie-red-carpet-posesMe digam se Angelina Jolie precisa usar um vestido afogado no gogó com essa melena solta? Faz uma trança, um rabo de cavalo, sei lá! A pessoa parece que gosta de se enfeiar, sabe assim?

angieMe respondam: custa prender o cabelo? Ou pelo menos tirar aquele volume ali atrás da orelha? Vamos fazer o exercício: um rabo de cavalo alto ou mesmo um coque podrinho e um belo brinco de diamante negro, que agora está na ultimíssima moda: não ficaria muito mais sofisticado?

Me dei ao trabalho até de procurar alguns exemplos ilustrativos para convencer Angie de que ela precisa dar mais atenção para o cabelo que escolhe exibir nas festas black tie. Angie, por favor, olha só o exemplo da Cate Blanchett.

lorraine-schwartz-blackened-platinum-and-diamond-earrings-with-black-diamond-drops-profile
Cabelo preso e o brinco que eu queria que tu usasse com o teu vestido, Angie! Não fica muito mais elegante do que essa melena solta pra trás da orelha? Claro que fica!

Ok, mas eu comecei a falar tudo isso e na verdade não era sobre isso que eu queria falar. Eu queria falar sobre um novo livro que achei muito interessante e instrutivo de ter em casa e mesmo de presentear. Chama-se Vestida para a Noite e foi escrito por Kate Young, uma personal stylist que tem entre suas clientes Natalie Portman e Michelle Williams. No livro, Kate analisou os figurinos de cinema para chegar a cinco tipos de vestidos considerados universais.

Vamos a eles?

jennifer-aniston-in-little-black-dress-and-corset-belt-on-People-Stylewatch-saved-by-Chic-n-Cheap-LivingPRETO BÁSICO
Preza pela sutileza e elegância e tem efeito curinga. Diz Kate: “Você pode usá-lo em qualquer época, em qualquer idade e em quase todas as ocasiões. É essencial no guarda-roupa de toda mulher”. Um dos trunfos do pretinho básico é que ele alonga qualquer silhueta. O outro trunfo é que o preço pode ter sido bem camarada, mas ninguém nunca saberá quanto custou e, na maioria das vezes, ele pode parecer muito mais caro do que realmente é. Dificilmente, isso acontece com outras cores como o vermelho, exemplifica a autora.

Carol_Castro_Flavia_Alessandra_Marina_Ruy_Barbosa_e_Giovana_Ewbank_283VESTIDO COQUETEL
Uma frase de Kate resume bem este vestido: “É relaxado a ponto de você não ter que se lembrar a cada minuto que está com algo excepcional e chique o bastante para poder lançar mão de acessórios poderosos, saltos vertiginosos e batons de cores fortes”. O modelo popularizou-se com Audrey Hepburn no filme Bonequinha de Luxo. “Ela é uma perfeita cocktail girl. Está sempre bem vestida, usa lindos sapatos e adora uma joia”, conclui Kate Young

grace-kelly1BLACK-TIE
Adorei a seguinte comparação: a discrição está para o pretinho básico como fogos de artifício estão para o black-tie. Kate Young diz que não há exemplo mais clássico de um black-tie do que o tomara que caia usado por Grace Kelly no filme Ladrão de Casaca. São noites especialíssimas, como um baile ou um casamento, em que modelos volumosos, tecidos nobres, sapatos brilhantes, pedrarias, bordados e fascinators saem do closet. “Nessas ocasiões, todas as mulheres gravitam ao redor de alguns clássicos, como os vestidos com corpete e saia ou longos”, observa Kate

sarom_465872686LOOK SEXY
O quarto clássico da lista de Kate Young é o modelo sexy: “A parte exposta é tão importante quanto a coberta”, ela diz – e eu concordo piamente. Para a autora, o momento mais sexy do cinema foi protagonizado por Sharon Stone em Instinto Selvagem, na cena do interrogatório. Sem calcinha e a bordo de um microvestido justo e branco, ela cruza e descruza as pernas. Apesar disso, com exceção das pernas, o corpo da atriz está coberto por mangas longas e gola alta. É exatamente para isso que a autora alerta: para este jogo de esconde-revela. “Para ter equilíbrio, apenas uma parte do corpo deve estar à mostra por vez. Se as costas estão expostas, a parte da frente tem que estar fechada”, ensina a stylist

michellewilliamsoscars2006verawangTIPO FASHION
O quinto modelo eleito por Kate é indicado para quem gosta de correr riscos. Ela lembra a escolha da cliente Michelle Williams para o Oscar 2006. O longo amarelo da estilista Vera Wang recebeu críticas e elogios de mesma proporção. Kate ensina: “Quando eu e uma atriz decidimos que seu look será fashion, aconselho-a a fingir que está desempenhando um papel”, diz.

bento1COMO TU, NÉ?

Como eu o quê, menino?

bento1TU COM TEU VESTIDO AMARELO

O que tem eu e meu vestido amarelo?

olivia10ELE QUER DIZER QUE TU ESTAVA DESEMPENHANDO UM PAPEL

bento1FINGINDO QUE É UMA ESCRITORA

Você também vai gostar