5 dicas para mudar os hábitos e emagrecer fugindo das dietas radicais

Uma pequisa realizada pelo laboratório farmacêutico Omega Pharma apontou que 10% das mulheres entrevistadas passaram toda a fase adulta tentando fazer alguma dieta. A causa disso estaria relacionada à aplicação de métodos ineficienteshábitos que atrapalham o andamento do programa.

De acordo com a nutricionista funcional Vanessa Albacete, a vida corrida e a falta de tempo deixaram de ser desculpas pertinentes para deixar a boa alimentação de lado. Ela explica ainda que dietas naturalmente fracassam, já que muitas pessoas acreditam que, para emagrecer, basta trocar o cardápio por um menos calórico.

Confira 5 dicas da nutricionista para mudar os hábitos e emagrecer com saúde – deixando de lado as dietas radicais: 

1. Dedique-se

Sair de casa sem programar as refeições do dia é a principal autossabotagem para quem quer comer melhor e perder peso. Isso porque a pessoa terá que comer o que está disponível e não o que realmente deveria. Para emagrecer, a alimentação deve entrar para a lista de prioridades.

2. Busque um profissional

Cada organismo funciona de uma maneira. O alimento que é bom para um, pode não ser para outro. Esse é um dos principais motivos para as dietas não funcionarem. O ideal é consultar um nutricionista para estudar a melhor estratégia para o seu caso.

3. Diminua carboidratos e alimentos industrializados

Os carboidrato são os maiores vilões das dietas, por isso é preciso ficar atento aos lanches e petiscos industrializados. Durante a rotina, a melhor estratégia é evitar o excesso de açúcares, pães, bebidas industrializadas, arroz branco, farinhas e sucos em geral.

Nham

Foto: Pixabay

4. Busque fontes de gordura vegetal

Ingredientes como abacate, coco, cacau, castanhas e sementes saciam a fome. Além disso, eles são ricos em gorduras importantes para a saúde e que auxiliam no emagrecimento e equilíbrio metabólico e hormonal.

5. Tome bastante água, durma bem e faça exercícios físicos – tentar já é um começo!

É clichê, mas água é essencial para as pessoas que estão de dieta. O ideal é tomar de 2 a 3 litros por dia. Dormir bem ajuda no bom funcionamento e equilíbrio do metabolismo e fazer exercícios físicos, além de reduzir a gordura corporal, faz com que o organismo esteja melhor preparado para o bom funcionamento.

Leia mais
:: O Programa ACE: 10 dicas para transformar “dieta” e “exercício” em modo de vida
:: Mulheres tomam conta das quadras de futevôlei em Porto Alegre 
:: Emagrece, desestressa, aumenta a imunidade e mais: 5 coisas que um (bom!) beijo faz por você

As últimas do Donna
Comente

Hot no Donna