5 dicas que você precisa saber antes de se exercitar na praia

Foto: Diego Vara, BD, 05/02/2011
Foto: Diego Vara, BD, 05/02/2011

Quando você caminha na beira da praia, prefere a areia fofa ou a úmida e durinha? De tênis ou pés descalços? Você pode estar cometendo erros ao se exercitar sem saber. Conversamos com a fisioterapeuta Edjana Deodoro e a personal trainer Ana Carolina Severini Silveira sobre os erros mais comuns na hora de malhar à beira-mar. E vão bem além de esquecer de passar o (obrigatório!) protetor solar e evitar os horários de sol alto.

Dê preferência para caminhadas na areia molhada
Um dos maiores erros é na escolha do terreno para caminhadas. Muita gente prefere caminhar areia fofa, apesar de lá você ficar mais suscetível a uma lesão por conta da instabilidade. O tornozelo, joelho e até o quadril ficam vulneráveis a entorse, ainda mais se pessoa não seja acostumada a praticar este tipo de atividade. Por isso, opte pela areia molhada e mais durinha: garante mais estabilidade e é melhor do que asfalto para caminhadas, já que absorve o impacto.

Atenção na frequência dos exercícios
As pessoas nem sempre se dão conta que a areia exige mais do corpo, das articulações e dos músculos. Por isso, Edjana Deodoro aconselha 72 horas de descanso após uma caminhada na areia, para que os músculos e as articulações se recuperem.

Acerte na escolha do tênis
Evite tênis mais pesados: os de solado mais flexível proporciona um melhor contato com a areia e maior equilíbrio. Caso a ideia seja apenas uma caminhada à beira-mar, Edjana Deodoro aconselha que você vá descalça mesmo. Já se a ideia for trote ou corrida, o tênis é indispensável.

Não incline seu corpo para frente
O vento e a sobrecarga provocada pela areia fazem com que as pessoas projetem o corpo para frente para se impulsionar nas caminhadas. Tanto na ida quanto na volta, tome cuidado para colocar o peso do corpo inteiro na planta do pé. A dica é observar as suas pegadas na areia: caso os dedos estejam ficando mais marcados do que o calcanhar, busque distribuir melhor o peso ao andar.

Relaxar é preciso
Quem nunca se atirou no sofá depois de um exercício físico desgastante? Esse é um erro comum e que pode fazer muito mal para o corpo. Após a prática, o ideal é fazer um alongamento relaxante antes de descansar. Priorize a respiração, alongando lentamente, relaxando cada músculo e mostrando para o corpo que o exercício acabou.

Leia mais:
:: Para ir além do filtro solar: 4 cuidados de beleza para você adotar neste verão
:: Lá vem o sol! Conheça as tendências de óculos para o verão 2018

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna