Até para quem não sabe cozinhar: livro traz receitas vegetarianas para agradar a toda a família

Fotos: Divulgação, Isadora Mira
Fotos: Divulgação, Isadora Mira

Trabalhar. Ter dois filhos pequenos. Um marido fã de churrasco (e você é vegetariana). Para completar, não se considera uma pessoa com muito talento na cozinha. Qualquer um destes fatores – que tal todos somados? – poderiam ser obviamente usados como desculpas para qualquer mulher fugir de uma alimentação saudável. Então um livro como Cozinhando em família (Editora Alaúde, 192 páginas, R$ 56,50) cai no seu colo para tentar derrubar esses mitos. Chef de cozinha formada pelo Natural Gourmet Institute for Health & Culinary Arts, em Nova York, e especializada em nutrição funcional, Natália Werutsky tem como meta ensinar as pessoas a cozinhar pratos simples (todos sem carne) que agradem tanto crianças quanto adultos.

Bolo-inglês-de-frutas - Crédito Isadora MiraPor dois anos, a nutricionista desenvolveu as 80 receitas – testadas e aprovadas – pelos pequenos ajudantes de cozinha, os filhos Sophia, cinco anos, e Lucca, um ano, ambos também vegetarianos. A menina, aliás, auxilia a mãe na produção dos pratos, seja misturando os ingredientes ou experimentando o resultado. Já fica ansiosa para comer quando vê os ingredientes de homus (grão-de-bico cozido e espremido) com taíne (pasta de gergelim) serem dispostos no balcão: sim, é seu prato preferido. Não à toa, é um dos mais fáceis da lista – pronto em 15 minutos – e zero habilidade com panelas.

– Todas podem ser executadas mesmo por quem está iniciando na cozinha. Nem os ingredientes são muito complicados. Para levar este tipo de estilo de vida, o ideal é encontrar uma boa feira, achar um bom livro de culinária e ter um ótimo nutricionista – resume Natália, que incentiva as leitoras a convidar as crianças a tomar parte no processo.

A opção pelo vegetarianismo não se deu por adesão à causa animal, e sim por problemas de saúde. Novos hábitos alimentares ajudaram a curar a hepatite C que a nutricionista desenvolveu em 2008. Desde então, apenas produtos de origem vegetal entram na despensa. As crianças, que acompanham o cardápio da mãe, não saem do script nem nas ocasiões em que o pai, Wueislly, pilota espetos com carne.

– Ele ama churrasco, é o assador na casa do meu pai, na praia. Eu e as crianças compartilhamos da mesma mesa, sem problemas. Não prego o vegetarianismo, só pratico o que acho melhor. Quando crescerem, meus filhos vão decidir o que comer.

Img2 - Crédito Isadora Mira

A diversidade de alimentos proporcionada por esse estilo de vida é o diferencial para o paladar infantil, na opinião da autora:

– Às vezes, as mulheres se cobram muito. Uma boa salada, com omelete e batata doce, já é uma refeição completa. Comer bem é simples. O importante é a qualidade e a simplicidade.

CUSCUZ DE TAPIOCA

Cuscuz_de_tapioca

Ingredientes
• 2 xícaras de tapioca granulada
• 1/2 xícara de açúcar demerara
• 1 colher (chá) de sal marinho
• 2 1/2 xícaras de leite de coco fresco
• 1/2 xícara de coco ralado fresco
• óleo vegetal para untar a fôrma

MODO DE FAZER
Unte com óleo um refratário retangular com 11 x 25cm. Em uma tigela, misture todos os ingredientes. Transfira para o refratário e reserve por duas horas ou até praticamente não ter mais líquido. Sirva polvilhado com canela ou regado com mel, melado, goiabada e acompanhado de um chá bem quentinho. Dica: guarde na geladeira, em recipiente coberto, por três dias ou até seis meses no freezer.

BOLO DE AIPIM COM COCO
bolo de aipim com coco - Crédito Isadora Mira

Ingredientes
• 3 xícaras de aipim sem casca e ralado
• 1/2 xícara de açúcar demerara
• 2 ovos caipiras
• 2 colheres (sopa) de óleo de coco
• 1 colher (chá) de sal marinho
• 1 xíc. de leite de coco fresco
• 1/2 xíc. de coco ralado fresco

MODO DE FAZER
Preaqueça o forno a 180 graus. Unte a fôrma de fundo removível (24cm de diâmetro). Bata os ingredientes no liquidificador, exceto o coco. Transfira para uma tigela e adicione o coco, misturando bem. Ponha na fôrma e asse por 40min.

Leia também
:: Conheça o Vinder, o “Tinder” que une vegetarianos, veganos e simpatizantes
:: Dia Mundial do Vegetarianismo: 7 restaurantes vegetarianos em Porto Alegre e Florianópolis para conhecer
:: Alô, vegetarianos! Livro reúne receitas de hambúrgueres sem carne

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna