Correr na rua é sua meta? Confira tudo o que você precisa saber para se preparar

Por Rossana Silva, especial

Enquanto você começa essa leitura, provavelmente já tem em mente quais são as suas metas de Ano-Novo. E talvez sejam as mesmas de Gabriela, Caroline, Larissa, Geanina ou Simone. Elas são cinco das muitas leitoras que responderam ao nosso chamado nas redes sociais, pedindo que compartilhassem com a gente as resoluções para 2017 para além dos desejos de paz, amor e saúde, o que cada uma se propõe a fazer, aprender, começar, melhorar no ano que se inicia. Algo que dependa, antes de tudo, de dedicação e persistência. E, claro, das dicas de especialistas para apontar o caminho nossa parte no trato.

Nas histórias dessa reportagem, você vai se identificar com ao menos uma das cinco metas escolhidas justamente por serem desejos de muitas de nós. E verá por onde começar. Ao longo do ano, vamos acompanhar como as cinco leitoras estão se saindo na empreitada. Inspire-se e faça acontecer em 2017.

Leia também
:: Sua meta de ano-novo é ter uma alimentação mais saudável? Confira as dicas para cumprir esta resolução
:: Consumo consciente é sua resolução para o ano? Confira dicas para cumprir essa meta

LARISSA MIRANDA RÉGIS, 28 ANOS, PSICÓLOGA

“Quando me mudei de São Paulo para Porto Alegre, há um ano e meio, decidi ter uma vida mais saudável. Emagreci oito quilos com musculação e treino funcional e, há algum tempo, comecei a esteira, intercalando corrida e caminhada. Como sempre me coloco desafios, a meta para 2017 é participar de uma corrida de rua. Meu objetivo não é um lugar no pódio, apenas me preparar para fazer o meu melhor.”

19

Assim como Larissa, outras leitoras mencionaram a corrida como meta de 2017. E as provas ao ar livre são vistas como o marco de um estilo de vida saudável. Mas, entre as primeiras passadas na esteira e a medalha recebida por todos os participantes que conseguem completar a prova, são necessários, no mínimo, dois meses de preparação.

Se você é do tipo que precisa de um estímulo extra para não faltar à corrida, o educador físico e ultramaratonista Luciano D’Arriaga recomenda o auxílio de um treinador, com treinos planejados e um objetivo para cada dia.

Experts nas pistas e nas ruas, Luciano e a jornalista e ultramaratonista Daniela Santarosa listaram o check list para Larissa e para quem também pretende começar 2017 arriscando as primeiras passadas ritmadas na rua.

ANTES DE COMEÇAR

• Coloque os exames em dia. A revisão com um médico cardiologista é essencial antes de se dedicar à corrida, esporte que exige grande esforço cardiorrespiratório.

• Ainda que o equipamento não seja a prioridade no início, use um tênis com o qual já esteja acostumada. Não precisa ser específico para corrida, e sim oferecer um mínimo de conforto, resistência e absorção de impacto. O ideal é começar a correr com o par que já lhe acompanha em caminhadas.

• Para as roupas, tecidos dry fit são os mais recomendados. Ao invés de sutiã, um top mais justinho pode proporcionar mais conforto por sustentar melhor os seios. Para quem tem coxas grossas, uma bermuda justa e acima do joelho funciona melhor do que shorts, protegendo contra assaduras. Sem falar do boné e do filtro solar, itens básicos no projeto verão.

Leia mais
:: Como investir? Conheça as possibilidades para fazer seu dinheiro render
:: Saiba como administrar melhor o tempo: veja dicas para fazer 2017 render

NA PISTA

• Cumprido o check list, vá para a rua imediatamente. É grande a diferença entre correr na esteira e ao ar livre. E, embora a esteira seja mais cômoda, a rua dá mais prazer, e o tempo passa mais rápido: você vê pessoas e a paisagem e precisa estar atento às oscilações do terreno.

• Quem ainda está na esteira pode selecionar a opção de inclinação para simular os desafios ao ar livre. Quando colocar o pé na rua, escolha locais sem muitos declives para fazer a transição da esteira.

• Se você está sedentária, comece pela caminhada. Depois de algumas semanas, quando suportar pelo menos 30 minutos em um ritmo intenso, já pode passar a revezar a caminhada e a corrida em um mesmo treino. Uma boa medida é intercalar dois minutos de trote com três de caminhada ao longo de 30 minutos. Vá aumentando o ritmo ao longo das semanas, respeitando a resposta do corpo a cada treinamento. O tempo pode ser marcado tanto no relógio quanto no cronômetro do celular.

• Corra de duas a três vezes por semana. Procure intercalar os treinos na rua com um trabalho de reforço muscular na academia.

20

PREPARAÇÃO PARA A PROVA

• Busque apoio em grupos de corrida. Há mais de uma centena deles em Porto Alegre, como Santa Corrida, Tauro Bonorino, Winners, Perfect Run e Cia dos Cavalos, todos com página no Facebook. Além de ser orientada com segurança para fazer uma prova bem feita, você vai encontrar outras pessoas que correm no seu ritmo – e se identificar com elas.

• Simule o ambiente da prova (ou seja, todos os possíveis). Correr em diferentes climas e temperaturas ajuda o corpo a se preparar para o dia da prova. Como a competição não é cancelada se estiver chovendo, você estará mais preparada se já tiver treinado sob estas condições.

• No dia anterior à corrida, não experimente nada diferente do que você está acostumado e evite bebidas alcoólicas.

• Não se abale quando for ultrapassada. E saiba que isso vai acontecer dezenas – talvez centenas – de vezes no decorrer da prova. A corrida não é apenas uma atividade física, mas também mental. Se for difícil para você, uma assessoria esportiva ajuda a tirar de letra essa situação.

INFORME-SE E INSPIRE-SE

Na livraria:

  • Em Correria – Histórias do universo da corrida, o jornalista Sérgio Xavier Filho conta relatos inspiradores de provas mundo afora e comenta variados aspectos do universo da corrida de rua.
  • Do que eu falo quando eu falo de corrida mostra a importância deste esporte na vida do japonês Haruki Murakami, um dos principais escritores da atualidade. Uma boa inspiração!

No celular:

  • Além de calcular o pace (ritmo por quilômetro) da corrida, o app Strava mostra outros usuários que já passaram pelo mesmo trajeto e permite se conectar a uma comunidade de corredores.
00c0a7f7

Elas te representam: da esquerda para a direita, no sentido horário, as leitoras Gabriela, Simone, Geanina, Larissa e Caroline

FOTOGRAFIA: Bruno Alencastro.
STYLING, PRODUÇÃO DE MODA E OBJETOS: Gabriela Casartelli (A Imaculada).
ASSISTENTE DE MODA: Bruna Furtado (A Imaculada).
CABELOS: Willian Teixeira e Deivid Santos (RhedCo).
MAQUIAGEM: Fernanda Martins e Jhoritza Souza (RhedCo).
AGRADECIMENTO: Lívia Machado.
OS LOOKS: Gabriela: calça, blazer e blusa Lizáli e brincos Renner; Simone: saia e t-shirt Chica Bolacha, colar Eliana Colognese, pulseiras de acervo da stylist. Geanina: vestido e cinto Lojas Pompeia; Larissa: camiseta e top Paquetá Esportes e tênis Asics; Caroline: macaquinho Lojas Pompeia e relógio de acervo da stylist.
Leia mais
Comente

Hot no Donna