De pernas para o ar! Passar muito tempo em pé ou sentada requer atenção para evitar inchaço ou outras complicações

Quem trabalha o dia inteiro em pé ou sentado sabe que a rotina tem reflexos – e que eles podem ser bem maiores do que um desconforto ao descalçar o sapato no final do dia. 

Um dos primeiros sintomas a aparecer é a sensação de inchaço nas pernas, nos pés e nos tornozelos, causada pela má circulação devido ao tempo em que se permanece na mesma posição, explica a cirurgiã cardiovascular Luciane Barreneche. Vale lembrar que o sangue que corre nas pernas volta direto ao coração. Quando as válvulas presentes dentro das veias funcionam mal, o sangue não circula normalmente e se acumula principalmente nos membros inferiores do corpo, causando a incômoda sensação de inchaço, que quem passa oito horas ou mais na mesma posição conhece bem.

— Além do edema, popularmente conhecido como inchaço, ficar muito de pé ou sentada também pode provocar alterações musculoesqueléticas da coluna lombar e cervical — acrescenta a médica do Hospital São Lucas da PUCRS.

:: Saltos médios são os ideais para quem quer evitar varizes
:: De secagem a cirurgia: conheça os tratamentos para varizes

Na lista de incômodos e futuros problemas que quem passa longas horas trabalhando em pé pode ter também estão as temidas varizes, dilatações nas veias que acentuam o inchaço e a sensação de desconforto causada por ele e que podem evoluir para feridas mais complexas.

Em casos graves, os médicos também alertam para o risco de trombose, doença causada pela formação de um coágulo dentro de um vaso sanguíneo, que prejudica – e muito! – a circulação. Para ficar alerta.

Para quem fica muito tempo em pé

Divida o peso
Sempre que possível, transfira o seu peso de um pé para outro ou, se for possível, coloque um dos pés em um apoio mais alto. Isso ajuda a diminuir a carga sobre os músculos das costas.

Nem no céu, nem na terra
Evite saltos altíssimos e rasteiras.  O ideal é priorizar sapatos com salto de cerca de 3 centímetros. Cuidado também com os scarpins de bico muito fino.

Para quem passa muito tempo sentada

Levante-se
A cada uma hora de trabalho, saia da cadeira por alguns minutos para mexer as pernas.  Que tal dar uma volta no andar ou buscar um copo de água?

Descruze as pernas
Nada de ficar com as pernas cruzadas por baixo da mesa. Ao sentar- se, mantenha as pernas ligeiramente separadas e os pés no chão. Invista também em apoios para os pés que fiquem até 15 centímetros acima do chão. 

Para todas

Mexa-se
Praticar exercícios ajuda automaticamente a melhorar a sua circulação.  Cooper, corrida, andar de bicicleta ou até dar uma caminhada podem melhorar bastante a saúde das suas pernas.

Menos sal
Consumido em excesso, o sódio contribui para que o corpo retenha líquido.  Que tal substituir o sal por orégano?

Para o alto
Sabe a expressão “ ficar com as pernas para cima”? É exatamente essa a recomendação. Ao chegar em casa no final do dia, dê- se o luxo necessário de deitar no sofá ou na cama com as pernas para cima, na altura do coração.  A indicação é permanecer assim por pelo menos meia hora.

Automassagem
ntes de dormir, massageie pernas e pés com movimentos circulares e de baixo para cima, para melhorar a circulação.  Vale acrescentar um bom hidratante para deixar a pele macia também e potencializar o ritual.

Compressão
Se os sintomas de inchaço e sensação de peso nas pernas se acentuarem, questione seu médico sobre a possibilidade de usar meias elásticas de compressão.

— Elas são extremamente saudáveis para a circulação das pernas, melhorando o retorno venoso e linfático — explica Luciane.

donna brands

antistax

Se prevenir contra as varizes é muito importante.  A gente sabe que você não dispensa um salto para se sentir mais poderosa, e nem precisa abrir mão disso, claro, sabendo fazer uso da altura correta.

Mas caso você sinta suas pernas pesadas, cansadas e até note o aparecimento de alguns vasinhos, fique atenta: esses são os sinais de alerta de que as suas veias estão ficando enfraquecidas e desenvolvendo varizes. Nessa hora, você pode contar com Antistax.

Você sabia que Antistax atua na base do problema e não apenas no combate à dor, como os analgésicos? Antistax é um medicamento fitoterápico com eficácia comprovada na melhora dos sintomas de varizes ¹ .  Isso porque ele contém o Bioativo Flaven, uma combinação especial de flavonoides extraídos das folhas de uva vermelha e com poder anti- inflamatório.  Isso significa o fortalecimento das paredes das veias, o que melhora a circulação e reduz o inchaço, aliviando os sintomas de pernas pesadas e cansadas.

É importante saber que o uso regular, com 1 comprimido por dia, é a medida certa para você desfilar mais saudável.

Indicações: Sintomas de varizes. 
Contraindicações: hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula. 
MS: 1.0367.0163.003- 1. 
SAC: 0800 701 66 33. 
Referência: 1 -Bula do Produto. 

Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.
Antistax é um medicamento.
Seu uso pode trazer riscos.
Procure o médico e o farmacêutico.
Leia a bula.

Leia mais
Comente

Hot no Donna