Dia nacional de combate ao fumo: 5 dicas para largar o cigarro e levar uma vida saudável

O dia 29 de agosto marca o Dia Nacional de Combate ao Fumo. Esta é uma data especial para comemorar a conquista de quem já conseguiu deixar os cigarros para trás, apoiar quem está tentando e incentivar a tentativa daqueles que ainda fumam. A maioria dos malefícios do tabaco são conhecidos, como câncer de pulmão e problemas cardíacos, problemas que, juntos, afetam mais de 1,3 bilhões de pessoas no mundo inteiro.

Para incentivar que cada vez mais adeptos do fumo consigam retirar o hábito da rotina, conversamos com o Dr. Cesar Camara, do Hospital de Clínicas da USP. A seguir, listamos 5 dicas que auxiliam quem quer tirar o tabaco do dia a dia, confira:

:: Como dormir bem: especialista dá dicas para melhorar a qualidade do sono
:: Dieta sem glúten emagrece mesmo? Nutricionista esclarece as principais dúvidas

1) Faça por você 

Para manter a linha e ficar longe dos cigarros, é preciso que você esteja muito centrada no objetivo. Nenhum organismo será mais beneficiado que o seu. Cultive uma razão pessoal e lembre-se dos malefícios que o fumo lhe trazia. Quando sentir vontade que tragar novamente, respire fundo e concentre-se nos seu objetivo, este desejo dura, em média, apenas 5 minutos.

2) Busque acompanhamento

O índice de fracasso dos fumantes que tentam largar o cigarro sem acompanhamento médico adequado chega a 90%. Além disso, é importante ter um especialista durante a jornada para controlar a retirada gradual de nicotina do organismo. Amigos próximos e familiares também devem estar informados da decisão. Eles podem ajudar a controlar vontades súbitas de fumar.

3) Exercite-se

É normal que o organismo sinta a ausência da nicotina e que o ex-fumante ganhe peso, por isso é aconselhável começar a praticar exercícios físicos.  Eles distraem e ao mesmo tempo repõem algumas das substâncias que proporcionam sentimento de bem estar. Se você não está acostumado a gastar energia com exercícios, é importante procurar um profissional que o acompanhe.

4) Afaste-se da vontade

Algumas substâncias presentes em bebidas alcoólicas, chás estimulantes e produtos com cafeína afloram a necessidade de fumar. Para quem está largando o cigarro, é aconselhável deixar o álcool fora do cardápio. Voltar a consumir bebidas alcoólicas está liberado só depois de você ser, de fato, um ex-fumante.

5) Supere as recaídas

O vício em cigarros é muito forte, pois é fundamentado na ação de 4 mil substâncias. Quem consumiu tabaco por muitos anos terá uma dificuldade ainda maior para deixá-lo de lado. A mudança é complicada e muitas pessoas têm recaídas. Elas atrapalham o andamento, mas não significam a perda de toda a trajetória. Marque uma nova data e recomece a mudança.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna