Entre em forma imitando coreografias de hits de Anitta, Pabllo Vittar e Madonna

Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram

Sabe aquele instinto de ouvir uma música na pista e sair copiando a coreografia do videoclipe? Foi transformado em uma aula que une diversão, desinibição e malhação. Batizada de pop funk, a modalidade consiste em imitar ou adaptar coreografias de divas em aulas em frente ao espelho. É dançar até suar e, de quebra, se preparar para arrasar na noite por aí. Donna conversou com Renan Cunha, professor da aula na Espaço de Dança, espaço no bairro Três Figueiras, na Capital, que tem atraído alunas a fim de mexer o corpo ao som dos hits da vez:

Como começou
“Sou formado em Educação Física e, por conta própria, me divertia copiando coreografias como as da Madonna e da Lady Gaga. Quando surgiu Anitta com o Baile das Poderosas, em 2013, enfim apareceu uma brasileira com quem eu me identificava. Percebi essa demanda de meninas querendo copiar as coreografias. Foi assim que surgiu a ideia.”

Nova coreografia 👯🕺🏻👯 #pesadao #iza #falcao #instadance

Uma publicação compartilhada por Renan Cunha (@renankunha) em

Quem procura
“Não há uma faixa etária específica. Tenho desde turmas teen,
de 12 a 15 anos, até de mulheres com mais de 40 anos. Tento deixar as aulas com pessoas de um mesmo perfil para que todas consigam fazer as coreografias, mas não há qualquer restrição de idade, forma física etc. Também dá para formar um grupo de amigas e formular aulas particulares específicas para elas.”

Como é a aula
“Sempre que uma música nova ganha um videoclipe, levo a coreografia para a aula. Mas nem todas conseguimos copiar integralmente. Algumas, mais complexas, adaptamos conforme o perfil ou a faixa etária da turma. Tem músicas também que começamos a trabalhar antes de ganhar um clipe. A aula é composta de 50% de movimentos copiados e 50% de coreografias complementares criadas por mim.”

O que buscam
“Para quem quer imediatamente perder peso, acho que é meio frustrante de início, frente a modalidades como a zumba, por exemplo. A grande pegada aqui é a diversão e o benefício no corpo a longo prazo. Há benefícios notáveis também na desinibição e na autoconfiança, por isso recomendo fortemente a aula para quem é meio envergonhada e quer aprender a fazer carão, rebolar, sensualizar, jogar charme para o boy magia (risos).”

Como virou febre
“A entrada dos snaps e stories foi fundamental para bombar. Foi a partir das postagens me marcando de uma das minhas alunas, a Scheila Vontobel, que passei a ser conhecido, procurado e a chegar ao número de seguidores que tenho hoje no Instagram (@renankunha, com 10,2 mil seguidores).”

A mais pedida
“A música mais popular e também de coreografia mais desafiadora é da Anitta: é Sua Cara, dela com a Pablo Vittar.”

Lacrando com @justneto 👯🕺🏻🕺🏻👯 #danceclip #anitta #pablovittar #suacara #instadance #justneto #portoalegre

Uma publicação compartilhada por Renan Cunha (@renankunha) em

Leia mais:
:: Beyoncé lança nova coleção de roupas fitness
:: Conheça cinco apostas fitness para a alta temporada das academias

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna