De olho na saúde: saiba quais são os erros mais comuns na hora de fazer dieta

Foto: Pixabay
Foto: Pixabay

Falta um pouco mais de um mês para começar o verão, mas o calorão já está dando as caras. Nessa hora, a gente começa a se dar conta que passou o ano exagerando e agora vai ter que “correr atrás do prejuízo”.

Profissionalmente falando, isso não é muito saudável… Viver nesse efeito sanfona eterno, engordando durante o inverno e emagrecendo no verão, traz inúmero malefícios pro organismo. Nós deveríamos tentar manter o equilíbrio o ano inteiro porque, afinal de contas, o mais importante deveria ser a saúde, e não a estética. Mas, sejamos honestas, quem nunca, não é mesmo?

Pois bem, por entender que essa demanda existe (querendo eu, ou não) e por ser profissional da saúde, prefiro orientar bem minhas pacientes nesse processo de “projeto verão” a deixar elas fazerem “loucuras” por conta própria.

Então, fiquem ligadas nas próximas semanas, que vou vir toda segunda-feira com um assunto bem interessante para ajudar todo mundo a perder mais uns quilinhos até o delicioso momento de botar um biquíni, se sentir bem com seu corpo e aproveitar o máximo essa estação tão alegre!

Para dar o pontapé inicial, vou falar hoje dos erros mais comuns na hora de fazer dieta. É preciso ter cuidado ao entrar no projeto verão, pois o importante é não comprometer nem a saúde física e nem a psicológica. Confere aí!

1) COMER MUITO POUCO

Para emagrecer, é necessário consumir menos calorias do que gastamos. Entretanto, a regra não funciona na ideia de que quanto menos eu como, mais eu emagreço. Isso porque nosso corpo precisa de um mínimo de calorias no dia para manter suas funções adequadamente. Se nós consumirmos calorias insuficientes para manter essas funções, nosso corpo entra em “estado de alerta, de risco à sobrevivência” e começa poupar os estoques de gordura e a estocar ainda mais. Daí acontece aquele famoso emagrecimento falso, no qual perdemos peso na balança, mas às custas de massa muscular, enquanto que toda a gordura estocada ainda permanece lá. Portanto, para que o emagrecimento seja saudável e duradouro, mantendo a massa muscular, nós não precisamos comer pouco, precisamos comer certo!

Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

2) SEGUIR A REGRA DO “TUDO OU NADA”

Se você não resistiu e comeu a sobremesa do almoço, cuidado para não entrar no modo autossabotagem: “se eu já comi essa sobremesa, agora vou comer mais isso, aquilo e mais aquilo outro”. E no final do dia, o que seriam umas 300kcal a mais, tornam-se mais de 1000kcal. Não faz sentido essa lógica, apesar de muitas pessoas agirem dessa forma.

Então, caso você coma ou beba algo que não está dentro do planejado, entenda que está tudo bem e siga o resto do dia normalmente. Apenas cuide para que não ocorram deslizes todos os dias, né… Caso contrário, não são exceções, tornam-se regra, aí não geramos emagrecimento.

3) ERRAR NA DOSE DE EXERCÍCIO

Sei que a vontade de ter resultados rápidos é grande, mas não adianta de nada passarmos o limite do saudável. Fazer exercícios em excesso para tentar compensar os quilos extras ou excessos na alimentação podem prejudicar sua saúde.

Em primeiro lugar, porque o excesso de esforço pode se tornar uma agressão ao seu organismo caso você não tenha consumido nutrientes suficientes para a recuperação adequada. Em segundo lugar, se você não é acostumado com uma carga grande de exercício e, da noite para o dia, começa a correr todo dia pela manhã e ainda faz musculação à noite, você não dá tempo suficiente para seu corpo se regenerar e ainda corre risco de se lesionar.

Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

4) TRAÇAR METAS IRREAIS

Dá tempo de melhorar, mas lembre-se que dependendo do quanto você quer/precisa perder de gordura, não vai ser tempo suficiente até o verão para atingir 100% da meta. Portanto, trabalhe com a ideia de que um pouco é melhor do que nada, e que é melhor sair da inércia agora do que continuar empurrando para frente indefinidamente o plano de melhorar sua saúde. Equilíbrio e parcimônia sempre. Se valorize, se ame, se cuide!

Leia mais:
::Você sabe a diferença entre gordura boa e ruim? Saiba quais alimentos consumir para manter a boa saúde
::Exercícios ao ar livre: saiba como a prática na rua pode melhorar a saúde do corpo e da mente
::Previne doenças, ajuda na hidratação e mais: descubra os benefícios da abobrinha

Leia mais
Comente

Hot no Donna