Descubra os benefícios de colocar “gorduras boas” na sua dieta

(Divulgação)
(Divulgação)

A palavra gordura pode não soar bem aos nossos ouvidos, mas existem aquelas que chamamos de “gorduras boas“: além de serem importantes nutrientes, são responsáveis por dar sabor aos alimentos. Este tipo se divide em dois grupos: poliinsaturada (como alguns peixes e óleos vegetais) e monoinsaturada (amêndoas, avelã e abacate).

Os ômegas 3 e 6 entram na lista do primeiro tipo e são conhecidos como ácidos graxos, que não são produzidos pelo corpo humano e devem ser obtidos através da dieta.

— As diferenças entre os ômegas residem em sua estrutura química e suas respectivas funções no organismo. São gorduras cuja presença é praticamente obrigatória na dieta de quem busca equilíbrio alimentar e boa saúde — explica a nutricionista Daniela Buttelli Szeckir, do Centro Clínico Gaúcho.

:: Como reduzir o sal na alimentação: veja 3 dicas saudáveis
:: Como perdi 15 quilos e recuperei a autoestima sem dietas radicais | Vanessa Musskopf

Os ácidos graxos poliinsaturados são chamados de gorduras boas porque são alimentos funcionais. Segundo a especialista, além de suas funções nutricionais básicas, esses nutrientes podem proporcionar outros benefícios como a prevenção de doenças crônicas, se for consumido como parte da dieta habitual.

Proteção

Os ômegas 3 e 6 atuam no organismo reduzindo o aumento dos triglicerídeos. Além disso, ajudam na diminuição dos danos vasculares, evitando a formação de coágulos (trombose) e de depósitos de gordura (aterosclerose). Sendo assim, previnem doenças cardiovasculares, atuam na redução do colesterol, alergias e processos inflamatórios. Contribuem também na prevenção de doenças como a esclerose e o Alzheimer.

:: 5 passos para manter o peso (ou emagrecer) no inverno
:: Saiba quais alimentos ajudam a combater a gordura localizada

Fonte de energia

Apesar de serem vistos como os vilões da boa alimentação, os ácidos graxos poliinsaturados Ômega 3 e Ômega 6 são essenciais. As gorduras são substâncias não solúveis em água e são responsáveis pela absorção de algumas vitaminas e pelo isolamento térmico do organismo. São também fonte de energia de reserva para o corpo. O organismo se previne armazenando energia em forma de gorduras.

Onde encontrar?

Os nutrientes podem ser encontrados em peixes como salmão, sardinha, atum, arenque, cavala, anchova, peixe-espada, truta e bacalhau. Mas também podem ser encontrados em outros alimentos.

Ômega 3

Os óleos de soja e canola, chia, óleo de peixe, óleo de linhaça ou triturada.

Ômega 6

Óleos vegetais como soja, milho, girassol e algodão, ovos, peixes, frutas, legumes e grãos.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna