Mais do que um costume, acordar cedo está relacionado à qualidade de vida

Relógio biológico determina os horários de dormir e acordar

Café da manhã é perfeita opção para começar bem o dia
Café da manhã é perfeita opção para começar bem o dia Foto: Stock Photos

A hora em que o despertador toca costuma ser um momento nada agradável para muitas pessoas. Mas nem todo mundo gosta de adiar o momento de sair da cama. Para quem sente prazer em levantar cedo, estar de pé nas primeiras horas do dia tem um valor inestimável. E, segundo pesquisadores da Universidade de Roehampton, no Reino Unido, esse valor está relacionado a mais saúde e qualidade de vida.

Estudo realizado na instituição com mais de mil voluntários concluiu que pessoas que acordam cedo são mais magras, mais felizes e mais saudáveis do que aquelas que usam a manhã para dormir um pouco mais.

? Ser uma pessoa matutina ou não é em parte uma questão do relógio do corpo do indivíduo e em parte uma questão de preferências que se desenvolveram ao longo da vida ? defende o professor Jöerg Huber, que liderou a pesquisa.

Segundo Nonato Rodrigues, especialista em transtornos do sono, o relógio biológico de cada um tem papel fundamental na determinação dos horários de dormir e acordar. Ele explica que, apesar dessa variação, existem horários mais saudáveis para o sono, relacionados às substâncias que o regulam, como a melatonina.

Para o neurologista Henrique Braga, acordar cedo reduz o estresse e a ansiedade do dia a dia por dar mais tempo para as pessoas se organizarem e realizarem as atividades com calma. Para ele, alimentar-se corretamente pela manhã também é fundamental.

Jöerg Huber e seus colegas de pesquisa identificaram o costume de tomar café da manhã entre aqueles que acordam cedo, hábito intimamente relacionado à saúde. Para a nutricionista Joana Lucyk, tomar café da manhã é essencial para estimular a produção de serotonina, substância que regula o ritmo de sono e o apetite e está relacionada à disposição e ao bom humor.

Começar com o pé direito

Comer logo no início da manhã estimula a produção de serotonina e regula o cortisol, além de diminuir a produção de neuropeptídeo (que estimula a fome) no fim do dia:

:: Carboidratos: pão (de preferência integral), tapioca, cuscuz, aveia, granola e quinoa são algumas opções.

:: Frutas: fontes de vitaminas e minerais, elas garantem uma refeição nutritiva e saborosa, além de fornecerem vitaminas do complexo B. Uma alternativa são os sucos naturais.

:: Proteínas: queijo branco, iogurte, leite de soja ou tofu podem ser ingeridos. Frios magros como blanquet de peru, peito de peru ou presunto magro também podem fazer parte do menu.

:: Oleaginosas: castanhas, nozes e outras oleaginosas compõem a dieta balanceada para começar o dia com energia e disposição.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna