Pesquisa aponta que 61% das brasileiras ligam emagrecimento à felicidade

Estudo resultou em sobre a importância de manter hábitos saudáveis e praticar exercícios

Foto: Denis Raev

Segundo pesquisa realizada em Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro e Recife ? que entrevistou 800 mulheres entre 18 e 45 anos – , 61% das brasileiras ambicionam emagrecer, vinculando a conquista à felicidade. No entanto, mais da metade delas não se esforçam para alcançar o peso ideal por meio de alternativas saudáveis, recorrendo a medicamentos e dietas pesadas, que prometem um corpo perfeito em semanas ou dias.

É sobre esse assunto que trata a médica-cirurgiã Carla Góes, especializada em estética, no livro Beleza Sustentável, lançado pela Integrare Editora. Carla conta que é comum receber pacientes em busca de receitas milagrosas para emagrecer e resolveu publicar o livro para explicar o contrário.

Com prefácio da jornalista Mônica Waldvogel, a obra sugere caminhos para manter o corpo e a mente saudáveis, ignorando hábitos como má alimentação, estresse e uso de agrotóxicos e medicamentos em demasia. Para fugir desses males, Carla propõe aliar as descobertas da medicina a práticas saudáveis.

? É fundamental cultivar hábitos saudáveis, ter uma alimentação equilibrada, praticar exercícios físicos. Tratamentos podem ajudar, mas as atitudes em prol da qualidade de vida é que fazem a diferença ? explica a médica.

Conforme ela, o fundamental é aumentar o consumo de água e evitar a ingestão de gorduras, mantendo uma dieta equilibrada em que predominam os produtos orgânicos, além adotar a prática regular de exercícios físicos. Carla confirma que as atividades podem evitar a obesidade, arteriosclerose (acúmulo de gorduras nas paredes das artérias) e o mal de Alzheimer.

> O que evitar: café, açúcar e farinha branca, pois são alimentos que contribuem para o estresse.

> Em que apostar: alimentos ricos em vitaminas e sais minerais, água e comidas à base de soja.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna