Por que temos vontade de comer doces depois do almoço? Nutricionista explica

Depois do almoço, é comum sentir vontade de comer um docinho, né? Jogue a primeira caixa de Bis quem nunca ficou desesperado por um chocolate no meio da tarde.

Saiba, porém, que esse desejo não é apenas sinal de tédio, ansiedade ou fome. Existe uma razão pela qual nosso organismo “pede por um docinho”, como explica a nutricionista Ana Paula Gonçalves da Silva, do Hospital e Maternidade São Cristóvão.

– Assim que terminamos uma refeição pesada, rica em carboidratos, muitos de nós temos o que chamamos de Hipoglicemia Reativa, um estado de baixa de açúcar no sangue, consequência de uma liberação excessiva de insulina. Quando isso acontece, o cérebro aciona a necessidade de glicose na corrente sanguínea e aí vem o desejo do famoso docinho – explica a nutricionista.

candy_gif3

:: Refeição relax: saiba quais alimentos ajudam a diminuir o estresse
:: Testado e aprovado: segredinhos para turbinar e facilitar a sua dieta no dia a dia
:: Por que comer de 3 em 3 horas pode não ser a melhor opção para você

Mas, como você bem sabe, o açúcar, apesar da sensação de prazer e felicidade, não deve ser consumido em excesso. Veja algumas dicas da nutricionista de como saciar essa vontade pós-almoço de uma forma benéfica e sem exageros:

candy_gif

Faça substituições no cardápio

Alimentos como aveia, banana, maçã, canela, castanha-do-pará e grãos em geral ajudam a diminuir a vontade de comer doces. O consumo frequente contribui para a redução da vontade de comer doces. Consumir frutas frescas ou secas também é uma boa opção: experimente uvas passas e tâmaras, pois elas têm um sabor mais adocicado.

Vá devagar

Se a pessoa tem o hábito de consumir diariamente doces, o ideal é ir diminuindo aos poucos, pois se parar totalmente pode ocorrer o efeito rebote. Pode até conseguir manter a ausência dos doces por alguns dias, porém logo não aguentará mais e vai passar a comer mais doces do que já comia.

Não resistiu? Opte por opções menos calóricas

Por exemplo: quando a vontade de tomar sorvete for grande, opte pelo picolé de frutas, pois os teores de açúcar e gordura são menores quando comparados com as versões cremosas. Gelatinas e pudins light também podem ser opções interessantes e nutritivas.

Teste outras opções para adoçar

Quando preparamos uma sobremesa ou um bolo, podemos trocar o açúcar refinado por uma quantidade reduzida da versão mascavo, melado de cana ou mel. Também pode-se usar frutas frescas ou secas para enriquecer o sabor.

Leia também
:: Receita testada e aprovada: bolo integral de cenoura e coco | Eline Prando
:: Sem açúcar e sem gordura! Como fazer um bolo de banana e aveia 

Leia mais
Comente

Hot no Donna