Saladas coloridas e que valem por uma refeição: monte a sua!

Colorida, a salada pode valer por uma refeição
Colorida, a salada pode valer por uma refeição

Coma seus vegetais, já demandavam nossas mães desde sempre. Não há quem não saiba que verduras e legumes são essenciais para uma dieta em nutrientes, vitaminas, fibras e minerais que auxiliam na proteção da saúde e ajudam na prevenção de doenças como diabetes e coração. Mas você sabia que uma salada contendo ingredientes de todos os grupos alimentares (carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas, minerais e fibras) pode até mesmo substituir uma refeição completa?

– É possível deixar a salada mais atrativa e gostosa sem perder os nutrientes que o alimento oferece – garante a nutricionista Cinthia Julião. – Molhos diferenciados, carnes brancas, peixes, castanhas e frutas são uma ótima opção: além de saudáveis, garantem versatilidade ao prato. O ideal é que seja bem colorida.

Confira receitas rápidas e práticas de saladas:
:: Salada de macarrão e bacalhau
:: Salada de lentilha
:: Salada de gelatina
:: Salada de tofu grelhado
:: Salada de figos e camarões
:: Salada caprese

Veja  algumas boas opções de cada grupo alimentar e entenda o que cada cor pode trazer de saúde para o seu prato antes de monstar sua própria salada ~gourmet~.

> Carboidratos
Capriche nos legumes, crus ou cozidos, como cenoura e beterraba.
Grãos também são uma boa pedida: ervilha, feijão branco, grão de bico.
Arroz ou macarrão em suas versões integrais podem ser utilizados, mas cuidado com a quantidade.

> Proteínas
O melhor é apostar nas mais magrinhas, como peito de frango ou de peru, ovo cozido, kani, filé mignon.

> Gorduras
Olha que sorte: as melhores são as que mais combinam com uma saladinha, como azeite de oliva e azeitonas.

CADA COR, UM BENEFÍCIO

Vegetais amarelos são ótimos para a pele

Vegetais amarelos são ótimos para a pele


Amarelo

Auxiliam no bom funcionamento do sistema imunológico, da visão e do coração. São também ótimos para a pele e a mucosa, além de ricos em betacaroteno e vitamina C.
:: Exemplos: manga, pêssego, batata, mandioquinha.

Os brancos ajudam a reduzir o colesterol

Os brancos ajudam a reduzir o colesterol


Branco

Possuem alicina, uma substância que auxilia na redução do colesterol
:: Exemplos: alho, cebola

Vegetais roxos evitam o envelhecimento precoce

Vegetais roxos evitam o envelhecimento precoce


Roxo

Ricos em ácido elágico, que evita o envelhecimento precoce e diminui os riscos de células cancerígenas, pois contém substâncias que podem prevenir o câncer, como o reveratrol e as antocianinas.
:: Exemplos: Repolho roxo, uva, beterraba, berinjela

Os vermelhos ajudam a prevenir a osteoporose

Os vermelhos ajudam a prevenir a osteoporose


Vermelho

Possuem antoacina, um flavonoide com ação imunoestimulante que ajuda no sistema circulatório, e licopeno, um antioxidante que auxilia na prevenção da osteoporose.
:: Exemplos: tomate, pimentão, morango, maçã.

Vegetais verdes são ricos em ácido fólico

Vegetais verdes são ricos em ácido fólico


Verde

Ricos em ácido fólico, essencial para o bom funcionamento do sistema nervoso central e muito importante para as gestantes, pois auxilia na boa formação do tubo neural do bebê. Além disso, possuem luteína, betacaroteno, ferro, cálcio, fósforo e clorofila, pigmento responsável pela coloração.
:: Exemplos: alface, rúcula, ervilha, espinafre, agrião, brócolis.

Leia mais
Comente

Hot no Donna