Será que engorda? 8 respostas sobre o anticoncepcional

anticoncepcional, além de método contraceptivo, é também a solução encontrada para problemas como a detestada cólica. Seja em pílulas, injetável ou em adesivos, não adianta: o anticoncepcional ainda é uma preocupação constante entre as mulheres. Quando se trata de jovens, mais e mais dúvidas. Pensando nisso, conversamos com a ginecologista e obstetra Elisabeth Trezza para esclarecermos algumas dos questionamentos mais comum sobre o medicamento. Espia só:

:: Guia da vagina: 10 curiosidades que podem melhorar a sua vida
:: Aquecimento no sexo: por que as preliminares são diferentes para homens e mulheres

1. Como escolher a pílula ideal?

A especialista explica que existem diferentes tipos de pílula, assim como existem diferentes tipos de mulher. É necessária uma análise detalhada da saúde da paciente, para inicialmente avaliar qual a melhor opção do uso do contraceptivo.

Depois, parte-se para uma avaliação dos motivos pelos quais esta mulher deseja usar o medicamento e o que ela espera dele. Finalmente avalia-se o estilo de vida da pessoa, para assim escolher a melhor pílula para a paciente naquele momento da sua vida. É uma prescrição altamente individualizada.

2. Quando iniciar o uso de pílula?

As pílulas de baixa dosagem e as de quarta e quinta geração devem ser iniciadas no primeiro dia do ciclo. O medicamento, segundo Elisabeth, já começa a fazer efeito no primeiro dia.

Como-Escolher-a-Pílula-Anticoncepcional-Certa3. Na pausa entre uma cartela e outra é possível ter relações sem medo de engravidar?

Sim. De acordo com a ginecologista,  se tomada adequadamente, a eficácia dos anticoncepcionais é maior que 99%, inclusive na pausa.

 

 

 

:: Mindfulness: conheça a técnica de meditação que conecta você com suas sensações e ajuda no sexo
:: Saiba quais as reclamações mais comuns das mulheres sobre o parceiro durante o sexo

4. É necessário parar com a pílula para o organismo descansar?

Não. Antes, os anticoncepcionais tinham dosagens mais altas e tipos de hormônios diferentes dos utilizados hoje e alguns médicos recomendavam que se realizassem pausas periódicas para “liberar o eixo neuroendócrino”.

— Hoje, está comprovado que, com as pílulas de baixa dosagem, ou micropílulas, as condições hormonais retornam aonormal logo após a suspensão da medicação — Elisabeth.

5. O anticoncepcional engorda? 

Está amplamente comprovado que o anticoncepcional de baixa dosagem não engorda.

6. Anticoncepcional mancha a pele?

O aparecimento de melasmas está associado ao uso de estrogênio, hormônio presente nos anticoncepcionais combinados em mulheres predispostas. Então isso é relativo.

7. A pílula pode baixar a libido da mulher?

Sim. Os progestagênios contidos nos anticoncepcionais podem ter como efeito colateral as alterações de libido. Isso depende do tipo de progestagênio e de sua dosagem.

:: 6 motivos que dificultam o orgasmo feminino e como superá-los

8. Tem problema tomar contínuo mesmo sem ainda não ter sido mãe?

Não. O uso dos anticoncepcionais, mesmo que de maneira contínua, não alteram a fertilidade da mulher.

Leia também:
:: 7 mitos e verdades sobre a pílula do dia seguinte

Leia mais
Comente

Hot no Donna